1. Usuário
Assine o Estadão
assine

Raúl se torna o maior artilheiro da história do Real Madrid

EFE

15 Fevereiro 2009 | 14h 54

Espanhol chegou a 308 gols, um a mais que o lendário Di Stéfano, e entra de vez para a história do time

Eloy Alonso/Reuters Raul comemora o gol em Gijón, contra o Sporting, que o coloca como o maior goleador do time merengue MADRI - O atacante Raúl González se tornou o maior artilheiro da história do Real Madrid neste domingo, com 308 gols, ao balançar as redes no confronto com o Sporting Gijón, pelo Campeonato Espanhol. Raúl, atual capitão do clube, tem agora um gol a mais que Alfredo Di Stéfano, outro craque da história do time.  Veja também:  Real Madrid goleia e reduz diferença para o Barcelona Campeonato Espanhol 2008/09 -  Classificação / Calendário / Resultados "Estou feliz. Finalmente consegui superar Alfredo. Agora continuarei balançando as redes mais vezes para ajudar o Real Madrid. Saio contente pela vitória", afirmou o jogador logo após a partida. O atacante balançou as redes após cruzamento de Sergio Ramos pela direita. Foi a décima vez que ele deixou sua marca neste Espanhol. Na história, Raúl tem 215 gols em partidas do Espanhol, 64 na Liga dos Campeões - outro recorde de maior artilheiro -, 18 na Copa do Rei, sete pela Supercopa da Espanha, um na Supercopa da Europa, um na Supercopa da Europa, um na Copa Intercontinental e 2 no Mundial de Clubes. Há algumas semanas, ele elegeu o gol sobre o Vasco, na final do Mundial Interclubes em 1998, como um dos mais importantes de sua carreira. Raúl fez o segundo do Real na vitória de 2 a 1 sobre o Vasco, em 1.º de dezembro de 1998, no Japão. Atualizado às 16h40 para acréscimo de informação