Red Bull Brasil/Divulgação
Red Bull Brasil/Divulgação

Red Bull Brasil vence, vira segundo do grupo e quase rebaixa o Marília

Time chega ao 4º jogo sem perder e entra na zona de classificação

Estadão Conteúdo

25 Março 2015 | 21h48

O Red Bull Brasil venceu o lanterna Marília, por 2 a 0, no Estádio Bento de Abreu, em Marília, nesta quarta-feira, em jogo válido pela 12.ª rodada. Com o resultado, chegou ao quarto jogo sem perder, entrou na zona de classificação à próxima fase e ainda está de vez na briga por uma vaga na Série D do Campeonato Paulista.

O novato de Campinas assumiu a segunda posição do Grupo A, com 18 pontos, ultrapassando o Mogi Mirim, com 17, que perdeu para o Linense, por 1 a 0. De quebra, o Red Bull assumiu o sétimo lugar na classificação geral e hoje estaria na Série D do Brasileiro junto com o Audax.

Já o Marília praticamente sacramentou seu retorno à Série A2. O time segue como lanterna, com apenas dois pontos, precisando vencer seus últimos três jogos e torcer para uma grande combinação de resultados. A queda pode ser sacramentada no fim de semana.

O começo de jogo desta quarta-feira foi um reflexo da situação dos times no Paulistão. Enquanto o Red Bull era mais solto e buscou mais o gol, nos minutos iniciais, o Marília ficou mais retraído, esperando um erro do adversário para chegar ao ataque.

Dominando a partida, o Red Bull abriu o placar aos 13 minutos. Após cruzamento, Raul ficou com a sobra, ganhou da marcação e rolou para Edmilson completar para o fundo das redes. Atrás no marcador, o Marília adiantou a marcação e deu sinais que podia reagir. O goleiro Juninho fez duas boas intervenções para levar a vantagem para os vestiários. 

Desesperado, o Marília voltou com mais dois jogadores de frente depois do intervalo. Os donos da casa conseguiram manter o bom ritmo e, novamente, o goleiro teve que aparecer para salvar o Red Bull.

Se defendendo como podia para segurar a vitória, o Red Bull aproveitou a primeira chance ofensiva para matar a partida. Aos 31 minutos, Pingo arrancou pela esquerda, cortou o marcador e bateu firme no ângulo de Rodrigo Calchi, sem chances de defesa. O gol desanimou completamente o time da casa, que ainda mostrou brio, mesmo diante a situação improvável de permanência, mas não conseguiu mais levar perigo.

O Marília volta a campo contra o Mogi Mirim, no próximo sábado, às 18h30, no Estádio Romildo Vitor Ferreira, em Mogi Mirim. Enquanto isso, o Red Bull recebe o Palmeiras, no domingo, às 18h30, no Estádio Moisés Lucarelli, em Campinas.

FICHA TÉCNICA:

MARÍLIA 0 x 2 RED BULL BRASIL

MARÍLIA - Rodrigo Calchi; Rafael Mineiro, Thiago Gomes, Roni (Thiago Elias) e Evandro (Gilberto Souza); Juninho Ortega, Boquita, Fabiano Gadelha e Bruno Farias; Leandro Costa e Wellington Amorim.

Técnico - Bruno Quadros.

RED BULL - Juninho; Everton Silva, William Magrão, Fabiano Eller e Romário; Andrade, Jocinei e Lulinha (Samuel); Raul, Edmilson (Isac) e Allan Dias (Pingo).

Técnico - Maurício Barbieri.

GOLS - Edmilson, aos 13 minutos do primeiro tempo; Pingo, aos 31 minutos do segundo tempo.

ÁRBITRO - Marcelo Rogério.

CARTÕES AMARELOS - Leandro Costa (Marília); Allan Dias, Lulinha, Andrade, Jocinei (Red Bull)

PÚBLICO E RENDA - Não disponíveis.

LOCAL - Estádio Bento de Abreu, em Marília (SP).

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.