Lucas Uebel / Grêmio FBPA
Lucas Uebel / Grêmio FBPA

Renato celebra goleada e vê Grêmio em 'lua de mel' com a torcida

"Temos que dar continuidade, buscando mais vitórias e procurando títulos, para entrar na história do clube, como sempre digo"

Estadão Conteúdo

02 Maio 2018 | 10h10

Atual campeão continental e estadual, o Grêmio teve mais uma grande atuação na noite de terça-feira ao golear o Cerro Porteño por 5 a 0, em Porto Alegre, pela Copa Libertadores, o que provocou comparações com equipes históricas do time, como a de 1983, que tinha Renato Gaúcho como referência e faturou o título mundial. Tangenciando ao ser questionado sobre a qualidade e semelhanças entre os dois times, o hoje treinador gremista celebrou a grande fase da equipe, que está em "lua de mel" com o seu torcedor.

+ Confira a tabela da Copa Libertadores

"Fico orgulhoso por vocês fazerem essa comparação, porque realmente a equipe do Grêmio está jogando um futebol vistoso, objetivo e maravilhoso. São épocas diferentes, tínhamos jogadores de seleção e foi um grupo campeão do mundo. Esse grupo encanta todo mundo. E me deixa com orgulho, porque muita gente queria estar no meu lugar. O Grêmio está em lua de mel com o torcedor. Temos que dar continuidade, buscando mais vitórias e, acima de tudo, procurando títulos, para entrar na história do clube, como sempre digo", afirmou.

O jogo de terça-feira marcou um recorde para Marcelo Grohe, que atingiu os 840 minutos consecutivos sem ser vazado pelo Grêmio. Para Renato, essa marca só foi conquistada pelo entrosamento do elenco. "Os números do Grêmio, quando a equipe principal joga, mostram entrosamento muito bom. A gente vem batendo recordes atrás de recordes", comentou.

A vitória sobre o Cerro Porteño deixou o Grêmio com oito pontos, na liderança do Grupo A da Libertadores. Agora, então, o time volta as suas atenções para o Campeonato Brasileiro, pois no domingo vai receber o Santos, em Porto Alegre, pela quarta rodada.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.