1. Usuário
Assine o Estadão
assine
Copa 2014

Reservas torcem por chance em amistoso do Brasil contra o Panamá

Leandro Silveira - Agência Estado

03 Junho 2014 | 09h 32

Seis substituições poderão ser feitas no jogo e quase todos os jogadores devem ser aproveitados e testados na partida

A conta é simples. O técnico Luiz Felipe Scolari levou 17 jogadores de linha e três goleiros para Goiânia, onde a seleção brasileira enfrenta o Panamá, nesta terça-feira, em amistoso de preparação para a Copa do Mundo. Ele pode e, mais importante, já avisou que pretende fazer seis alterações durante a partida no Estádio Serra Dourada.

Assim, é praticamente certo que seis dos sete jogadores de linha que vão começar a partida no banco de reservas - Maicon, Henrique, Maxwell, Hernanes, Willian, Bernard e Jô - ganhem uma oportunidade de mostrar seu futebol e tentem conquistar mais espaço na seleção brasileira às vésperas da Copa do Mundo. Além deles, Dante e Ramires, considerados suplentes, serão titulares dessa vez.

"Acho que todos sabem os titulares da nossa defesa. E, se recebi essa oportunidade, é tentar mostrar o máximo para que o Felipão possa contar comigo cada vez mais. Quando joguei, foi por conta de contusões e prevenção deles (Thiago Silva e David Luiz), mas eu necessito transmitir confiança ao treinador. Não sei o que se passa na cabeça dele", disse Dante.

Fabio Motta/Estadão
Willian é um dos jogadores que mais tem se destacado nos treinos e deve jogar o amistoso

Essa pode ser a última e a principal chance desses jogadores, afinal, Felipão espera contar com a força máxima no amistoso de sexta-feira contra a Sérvia, no Estádio do Morumbi, em São Paulo - Paulinho, Fernandinho e Thiago Silva estão sendo poupados do duelo em Goiânia. E este jogo deve servir como um ensaio geral da seleção brasileira para a abertura da Copa do Mundo, diante da Croácia, no dia 12 de junho, em São Paulo.

Assim, a oportunidade para esses suplentes é mesmo o amistoso com o Panamá. O meia-atacante Bernard será um dos jogadores que deve receber essa chance e promete atuar em alto nível. "O grupo está se preparando muito bem, primeiramente vamos ter esses dois amistosos antes da Copa. Tenho certeza que até a Copa, o grupo vai corresponder à altura o que fizemos na Copa das Confederações e ao que o Felipão vai nos pedir dentro de campo", disse, à CBF TV.

Próximo de disputar a sua primeira grande competição pela seleção brasileira, o meia Willian vem sendo um dos destaques nos treinamentos na Granja Comary, em Teresópolis, e agora deve ter uma chance diante do Panamá. E ele espera premiar a torcida que vai encher o Serra Dourada com uma boa atuação.

"Uma experiência única na minha vida, estou me sentindo bem, feliz com o que vem acontecendo, com o calor da torcida no Rio de Janeiro e também aqui em Goiânia. Espero que possamos retribuir esse carinho da vitória com uma boa vitória", disse Willian, à CBF TV.

Copa 2014