Assine o Estadão
assine

Esportes

Santos FC

Ricardo Oliveira aponta injustiça em críticas aos defensores santistas

Gustavo Henrique e Lucas Verissimo foram vaiados pela torcida

0

Gonçalo Junior,
O Estado de S. Paulo

01 Fevereiro 2016 | 12h58

O atacante Ricardo Oliveira apoiou nesta segunda-feira os defensores santistas, dois dias após o empate por 1 a 1 contra o São Bernardo, na estreia da equipe no Campeonato Paulista. Os zagueiros Gustavo Henrique e Lucas Verissimo foram criticados e vaiados pela torcida do Santos ainda durante a partida de sábado, na Vila Belmiro.

"Acho que todo o time é responsável por uma partida não tão boa. Acho injustas as críticas aos nossos defensores. Temos de participar defensivamente também, quando não temos a bola, e nós comprometemos isso. Muitas vezes, deixarmos nossos defensores no mano a mano com jogadores rápidos. São jogadores que têm toda a confiança", disse Ricardo Oliveira.

O artilheiro e destaque da última edição Campeonato Paulista também fez uma avaliação crítica sobre sua própria atuação. "Nós não fizemos uma boa partida e comprometemos a parte defensiva. Eu não chutei uma bola ao gol e entrei várias vezes em impedimento. Tenho autocrítica e sabemos das coisas que fazemos. Tudo dentro do normal", disse o atacante.

Na próxima partida, o Santos vai enfrentar a Ponte Preta, em Campinas, nesta quarta-feira, pela segunda rodada do Paulistão. "Dá para melhorar em muitos aspectos, porque é apenas o primeiro jogo da temporada. Temos muito o que melhorar", disse o atacante.

Comentários