Bruno Cantini/Atlético-MG
Bruno Cantini/Atlético-MG

Roger espera treino de sábado para definir se usará Robinho no Atlético-MG

Técnico mantém cautela mas revela que atacante está se sentindo bem

O Estado de S.Paulo

17 Fevereiro 2017 | 15h34

O técnico Roger Machado vai esperar o treinamento deste sábado para definir se escalará o atacante Robinho na partida contra o América, domingo, pela quarta rodada do Campeonato Mineiro. Foi o que explicou nesta sexta-feira o treinador do Atlético em entrevista coletiva na Cidade do Galo. Ele adiantou, porém, que o jogador está se sentindo bem.

"A gente tem mais um treinamento amanhã (sábado) e o Robinho vem, desde o começo da semana, gradativamente, sendo inserido na rotina de trabalho. Estamos avaliando o dia a dia. Hoje, ao final do treino, conversei com ele e ele está se sentindo muito bem. Mas, temos que ter um pouco de cautela. Temos o treino de amanhã para definir a utilização do Robinho, ou desde o início ou em parte do jogo, ou se a gente considerar melhor trabalhar o atleta para o próximo jogo", avaliou.

Principal destaque do Atlético em 2016, Robinho ainda não entrou em campo pelo time nesta temporada. O atacante sofreu fratura na costela no amistoso entre as seleções do Brasil e da Colômbia, disputado em 25 de janeiro, no Engenhão. Recuperado, ele voltou a treinar nesta semana. Roger apontou que o jogador está bem condicionado fisicamente, apesar de ter ficado duas semanas sem treinar.

"Ele ficou parado por duas semanas. Depois, começou a iniciar, gradativamente, o recondicionamento dentro da fisioterapia. É muito mais o resultado do treino. Como sente o volume do treino e como volta para o próximo turno de trabalho, relacionado ao problema que teve. Com relação ao condicionamento físico, é um jogador tem muito lastro, de muitos anos na profissão, pega muito rápido. O Robinho tem um bom condicionamento físico e isso não me preocupa muito", completou Roger.

Mais conteúdo sobre:
Futebol Atlético-MG Roger Machado Robinho

Encontrou algum erro? Entre em contato

0 Comentários

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.