Giuseppe Cacace/AFP
Giuseppe Cacace/AFP

Roma chega ao oitavo empate em nove jogos e confirma má fase

Empate com Chievo pode deixar a Juve abrir 11 pontos na liderança

Estadão Conteúdo

08 Março 2015 | 13h13

A Roma tomou gosto por empatar. A equipe do técnico Rudi Garcia faz jogos equilibrados contra os melhores e os piores times da Itália. Tanto é que, neste domingo, pela sétima vez em oito rodadas, empatou. Ficou no 0 a 0 com o Chievo, em Verona, uma semana depois de comemorar um placar de 1 a 1 com a líder Juventus.

Desde o início de dezembro, a Roma fez 14 jogos e empatou 11 deles pelo Campeonato Italiano. O que era uma briga pelo título se tornou uma preocupação em perder o segundo lugar. Com 50 pontos, a equipe romana já vê a aproximação do Napoli, que tem 45 e ainda joga pela 26.ª rodada. A Juventus, com 58, pode ir a 61 e abrir 11 se vencer o Sassuolo, segunda-feira, em casa.

Também neste domingo, a Udinese conseguiu uma boa vitória em casa. Depois de sair perdendo do Torino (gol de Quagliarella), a equipe de Údine virou, com Di Natale, Wagué e Molinaro (contra). Benassi descontou e fechou o placar do triunfo da Udinese por 3 a 2.

O Parma voltou a jogar depois de ter dois jogos adiados por conta da greve de jogadores e pelo menos pôde comemorar um empate em 0 a 0 com a Atalanta. Durante a semana, os demais clubes da Série A da Itália toparam formar um fundo para ajudar o clube e, consequentemente, os jogadores, que não recebem salários desde o início da temporada.

A rodada foi quase toda de empates. Em Empoli, a equipe da casa ficou no 1 a 1 com o Genoa, enquanto Palermo e Cesena empataram em 0 a 0. A zona de rebaixamento, assim, tem Parma (11), Cesena (20) e Cagliari (20). A Atalanta, com 24, e o Chievo, com 26, correm risco.

Mais conteúdo sobre:
futinter futebol Roma Campeonato Italiano

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.