São Caetano prioriza a Libertadores

O São Caetano vai priorizar a Copa Libertadores da América, embora ainda tenha chances de chegar às semifinais do Torneio Rio-São Paulo. E na apresentação do elenco, nesta terça-feira pela manhã, a comissão técnica vai pedir aos jogadores concentração máxima para o jogo contra o Alianza, em Lima, quinta-feira, quando o Azulão defenderá a liderança do Grupo 1. O São Caetano tem nove pontos, seguido por Cerro Porteño com sete, Cobreloa seis e Alianza com apenas um ponto. "Ainda estamos lutando na briga do Rio-São Paulo, mas a Libertadores é importante", resumiu o técnico Jair Picerni, que aproveitou a folga de segunda-feira para ficar com a família em Vinhedo. Ele já adiantou que não pretende poupar nenhum jogador nas duas competições, garantindo que sempre escalará os que estiverem em melhores condições. "Se alguém machucar ou tiver algum problema físico, então fica de fora. Caso contrário, vai jogando e o time somando pontos." A vitória sobre o São Paulo, por 1 a 0, reabilitou o time no Rio-SP, após duas derrotas para o Botafogo, por 2 a 1, e para o Corinthians, por 1 a 0. "Todos os jogos são equilibrados, porque os times são bons", afirma Picerni.

Agencia Estado,

25 Março 2002 | 19h04

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.