Nilton Fukuda | Estadão
Nilton Fukuda | Estadão

São Paulo renova contrato do atacante Brenner até 2022

Multa rescisória do atleta passou a ser de R$100 milhões para clubes do Brasil e passa de R$ 186 milhões para o futebol internacional

Matheus Lara, O Estado de S.Paulo

13 Setembro 2017 | 12h47

O atacante Brenner acertou a renovação de seu contrato com o São Paulo. Revelado nas bases de Cotia, o jovem agora tem vínculo com o clube até setembro de 2022. O anúncio da renovação já era esperado há cerca de um mês.

"Xodó" da diretoria tricolor, o atleta de 17 anos teve aumento salarial e sua multa rescisória passou a ser de R$100 milhões para clubes do Brasil e passa de R$ 186 milhões (50 milhões de euros) para o futebol internacional. 

“O São Paulo representa metade da minha vida, me ajudou a conquistar meus sonhos e a ser quem eu sou hoje, um jogador jovem, mas já reconhecido. Foi o clube que confiou no meu trabalho e no meu potencial, eu devo muito ao São Paulo”, comemora Brenner. “É um sonho realizado ter assinado esse novo contrato profissional mais longo, espero ficar muito tempo aqui no São Paulo, conquistar títulos".

Brenner já tem uma lista de títulos pelos times juvenis do São Paulo: é bicampeão da Taça BH, levou o Campeonato Paulista, Copa Ouro e a Salvador Cup em 2016, além da Aspire Tri-Series Sub-20 nesta temporada. Marcou 76 gols em 67 jogos disputados. Em 2017, fez 42 gols em 21 jogos pelo sub-17.

Na terça, o jogador foi poupado por Dorival Junior nos treinos da equipe principal. Após a assinatura do contrato, viajou para o Rio de Janeiro, onde se uniu à delegação que vai defender a seleção brasileira no Mundial Sub-17, em outubro, na Índia.

Mais conteúdo sobre:
São Paulo Futebol Clube

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.