1. Usuário
Assine o Estadão
assine

São Paulo vende meia Lucas Evangelista para a Udinese

Estadão Conteúdo

28 Agosto 2014 | 17h 13

Clube italiano contrata jogador da seleção brasileira sub-21 em negociação que renderá R$ 7,1 milhões para o time do Morumbi

Depois de vender o lateral-direito Douglas para o Barcelona, o que lhe rendeu cerca de R$ 10,8 milhões, o São Paulo fechou nesta quinta-feira mais uma negociação com um clube europeu. Dessa vez, acertou a ida do meia Lucas Evangelista para a Udinese, da Itália, por 4 milhões de euros.

O São Paulo tinha 60% dos direitos do jovem jogador de 19 anos, enquanto o restante pertencia ao Desportivo Brasil, da Traffic. Mas ele não fazia mais parte do elenco são-paulino, desde julho, por causa de divergências contratuais. Mesmo assim, foi vendido em acordo entre os dois clubes.

Pelo negócio, o São Paulo vai receber 2,4 milhões de euros (cerca de R$ 7,1 milhões) por Lucas Evangelista. Assim, conseguiu faturar com alguém que já não fazia mais parte do elenco. Na Udinese, ele jogará com os brasileiros Danilo (ex-Palmeiras) e Guilherme (ex-Corinthians), entre outros.

O problema contratual de Lucas Evangelista, que o tirou do elenco, deixou o técnico Muricy Ramalho frustrado. Ele tinha elogiado bastante o garoto durante a intertemporada são-paulina nos Estados Unidos, realizada no período da Copa do Mundo, quando o escalou como lateral-esquerdo.

Antes da viagem aos Estados Unidos com o São Paulo, Lucas Evangelista também defendeu a seleção brasileira Sub-21 na conquista do Torneio de Toulon, na França. Assim, abriu mercado no futebol europeu, concretizando agora a transferência para jogar na Udinese, da elite italiana.