1. Usuário
Assine o Estadão
assine
  • Comentar
  • A+ A-
  • Imprimir
  • E-mail

Secretário diz que CBF não aceita realização da Primeira Liga em 2016

- Atualizado: 16 Janeiro 2016 | 19h 41

Entidade alega que torneio não respeita seu Estatuto e o calendário

A Confederação Brasileira de Futebol (CBF) não liberou a realização da Primeira Liga em 2016. A entidade alega que o torneio, com previsão para início no próximo dia 27, não respeita o seu Estatuto e o calendário de jogos no país.

"Convocamos uma assembleia das federações e elas estipularam que a Liga Sul-Minas-Rio seria muito bem aceita se respeitasse os estatutos das federações e da CBF, além do calendário nacional, mas isso não foi possível. O que fez com que nós comunicássemos ao Gilvan (de Pinho Tavares, presidente da Liga) de que não seria possível a autorização para a realização do torneio em 2016", afirmou Walter Feldman, secretário-geral da CBF, em entrevista à rádio Itatiaia, de Belo Horizonte.

A CBF acredita que o principal empecilho para o torneio é a criação de datas alternativas ao calendário de partidas oficial da entidade em 2016, que já está em vigor. "Desde o primeiro momento atendemos a reivindicação de 15 clubes acompanhado de pelo menos três federações. Apresentamos desde o início a dificuldade de evitar o conflito com o calendário nacional", acrescentou.

Walter Feldman ameaça clubes da Primeira Liga com perda de cotas de televisão e punição à base

Walter Feldman ameaça clubes da Primeira Liga com perda de cotas de televisão e punição à base

Dentre as possíveis punições para as equipes participantes do torneio, estão a perda de cotas de televisão por transmissões dos Estaduais e punições aos times das categorias de base de cada clube.

Comentários

Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Estadão.
É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Estadão poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os criterios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.

Você pode digitar 600 caracteres.

Mais em EsportesX