Lalo R. Villar/AP
Lalo R. Villar/AP

Sem brilho, Manchester United derrota Celta e abre vantagem na semi da Liga Europa

Rashford marca no segundo tempo e garante vitória fora de casa no jogo de ida

Estadão Conteúdo

04 Maio 2017 | 18h10

Sem brilhar, o Manchester United confirmou o favoritismo e saiu na frente no primeiro duelo da semifinal da Liga Europa. Jogando no norte da Espanha, o time inglês derrotou o Celta de Vigo por 1 a 0, nesta quinta-feira. O atacante Marcus Rashford, de apenas 19 anos, foi o destaque do jogo, ao marcar o único gol do confronto.

Com o resultado, o Manchester avança à final da competição europeia mesmo se empatar no jogo da volta, em casa, no Old Trafford, na quinta-feira da próxima semana. Na outra semifinal, o Ajax goleou o Lyon por 4 a 1 no jogo de ida e é o favorito a ir para a decisão.

O time comandado pelo técnico José Mourinho conquistou a vitória desta quinta mesmo com importantes desfalques, como Ibrahimovic e Juan Mata. Em compensação, o treinador contou com o retorno de Paul Pogba e ainda colocou Smalling, voltando de lesão, no segundo tempo do duelo.

O JOGO

O Manchester United entrou em campo como favorito nesta quinta. Tem maior tradição que o Celta, é mais popular no mundo todo e conta com elenco estelar. Mas, dentro de campo, o duelo foi equilibrado na etapa inicial e foi o time espanhol que criou a primeira boa chance de gol. Aos 10, em levantamento na área, Wass desperdiçou grande oportunidade ao cabecear para fora, sem qualquer marcação, quase na pequena área.

A partir deste lance, os ataques começaram a se alternar, dos dois lados do campo. Aos 19, Rashford arriscou de fora da área e o goleiro Sergio Álvarez saltou para fazer bela defesa. Dez minutos depois, Sisto quase anotou o primeiro da partida, pelo Celta. E, na sequência, Mkhitaryan desperdiçou para o Manchester, aos 34.

Para o segundo tempo, o Celta voltou melhor e criou boas chances de abrir o placar nos primeiros minutos. Aos 6, um levantamento na área permitiu cabeçada de Aspasse rente à trave direita do goleiro Romero. Na sequência, o goleiro do Manchester voltou a trabalhar para espalmar, com a ponta dos dedos, finalização de Sisto, aos 13.

O jogo parecia se inclinar em favor do Celta quando o Manchester marcou o único gol da partida. Aos 21 minutos, Rashford cobrou falta com categoria, no canto direito, e mandou para as redes.

Mais confiante, o time inglês partiu para cima para tentar definir o confronto. E quase o fez aos 29 e aos 40, com Lingard e Pogba, respectivamente. Com a derrota por apenas 1 a 0, o Celta acabou deixando a partida no lucro, por causa dos sustos que levou na defesa.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.