1. Usuário
Assine o Estadão
assine
Copa 2014

Sem lesões, Felipão descarta mudanças contra México

FELIPE ROSA MENDES E LEANDRO SILVEIRA - Agência Estado

13 Junho 2014 | 07h 46

Luiz Felipe Scolari não deixou o gramado do Itaquerão satisfeito apenas com a reação e a vitória da seleção brasileira na abertura da Copa do Mundo. Ele comemorou também a ausência de lesões ou problemas físicos que poderiam ter atingido os titulares no jogo contra a Croácia, na noite de quinta-feira.

Sem problemas, Felipão descartou qualquer mudança na equipe que enfrentará o México, na próxima terça-feira, em Fortaleza. "Não temos nenhum problema físico para o próximo jogo. Só uns dois ou três jogadores estão mais cansados e estão com gelo no joelho, na panturrilha, caso do Thiago Silva", revelou.

O treinador não deu detalhes sobre a situação do zagueiro, mas não se mostrou preocupado. O capitão da equipe foi um dos que menos treinou nas duas primeiras semanas de treinos da seleção na Granja Comary, em Teresópolis. Por ter enfrentado lesões durante a temporada europeia, pelo Paris Saint-Germain, Thiago Silva chegou a ser poupado no amistoso com o Panamá, o primeiro em preparação para a Copa.

"Em questão de um ou dois dias, esses jogadores serão mapeados pelo departamento médico com cuidado. Acho que não vou ter nenhum problema para o próximo jogo", disse, confiante, Felipão, que também evitou dar informações sobre o estado físico de Hulk.

O atacante deixou o treino antes do fim na terça-feira, na última atividade em Teresópolis antes da viagem para São Paulo. E os médicos da seleção tampouco revelaram o motivo. Nesta quinta, ele foi substituído por Bernard, no segundo tempo, mas sem aparentar dores ou qualquer problema físico. "Hulk iniciou o jogo vindo de uma dificuldade maior desde anteontem [terça]", afirmou Felipão.

Ele também não se mostrou preocupado com os cartões amarelos aplicados a Neymar e Luiz Gustavo diante dos croatas. Com dois cartões, o jogador terá que cumprir suspensão na Copa. "Primeiro eu tenho que pensar em classificar a seleção, não tenho que pensar em quem levou amarelo. E sabemos que das oitavas para as quartas de final, os cartões são zerados", disse o técnico, que não quer ver os jogadores aliviando nas divididas nas próximas partidas. "Se tiver que levar outro cartão, leve. Se tiver que fazer falta, faça."

Assim, sem maiores preocupações, Felipão retomará os trabalhos com os jogadores da seleção brasileira na manhã desta sexta-feira, na Granja Comary, às 11 horas. A delegação voltou para Teresópolis ainda na noite de quinta-feira.

Copa 2014