Rodrigo Gazzanel/Ag. Corinthians
Rodrigo Gazzanel/Ag. Corinthians

Sem modelo feminino da segunda camisa, corintianas cobram Nike

Empresa diz que demanda é preferencialmente pela camisa principal

O Estado de S. Paulo

03 Maio 2017 | 22h10

O Corinthians estreou sua nova segunda camisa contra a Ponte Preta, no último domingo, em Campinas, na partida de ida da final do Campeonato Paulista. Mas as torcedoras do time alvinegro não poderão adquirir o modelo feminino do uniforme preto com listras brancas verticais, criado em homenagem ao título paulista de 1977. A razão é que ele não será fabricado pela Nike, fornecedora de material esportivo do clube.

"A Nike esclarece que ao longo dos anos a demanda do público feminino pelas novas camisas do Corinthians é preferencialmente pela camisa principal. Seguindo essa tendência de mercado, a nova segunda camisa não será comercializada no modelo feminino", divulgou a empresa.

A fornecedora se pronunciou depois que as torcedoras foram às redes sociais para compartilhar sua insatisfação. O movimento das corintianas foi simbolizado pelo uso da hashtag #RespeitaAsTorcedorasNike.

Mais conteúdo sobre:
Corinthians Futebol

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.