1. Usuário
Assine o Estadão
assine

Sem Suárez, Uruguai convoca 3 'brasileiros' para jogos amistosos

Estadão Conteúdo

21 Agosto 2014 | 13h 49

Martín Silva, Álvaro Pereira e Nicolás Lodeiro estão na pré-lista divulgada por Tabárez para amistosos contra Coreia do Sul e Japão

A Associação Uruguaia de Futebol (AUF) anunciou nesta quinta-feira uma pré-lista de 29 convocados da seleção do Uruguai para os amistosos contra Japão e Coreia do Sul, respectivamente nos dias 5 e 8 de setembro, em Sapporo e Seul. A listagem trouxe a presença de três jogadores que atuam no futebol brasileiro: o goleiro Martín Silva, do Vasco, o lateral-esquerdo Alvaro Pereira, do São Paulo, e o meia Nicolás Lodeiro, do Corinthians.

Desta forma, já é certo que este trio irá desfalcar as equipes por pelo menos dois jogos. Para os dias 6 e 7 de setembro está marcada a 19ª rodada do Campeonato Brasileiro, sendo que os três atletas ainda poderão ficar fora de confrontos da Copa do Brasil e/ou da Copa Sul-Americana.

A lista anunciada pelo técnico Oscar Tabárez, que negocia a renovação do seu contrato para seguir à frente da seleção uruguaia, também chamou a atenção por não contar com a presença de três veteranos que defenderam o país na Copa do Mundo de 2014. O zagueiro Diego Lugano, de 33 anos, o atacante Diego Forlán, de 35, e o volante Diego Pérez, de 34.

Rubens Chiri/Divulgação
Álvaro Pereira foi um dos convocados por Tabárez

A convocação também indicou uma provável renovação do acordo de Tabárez já visando o novo ciclo que terá como principal objetivo a disputa da Copa do Mundo de 2018, na Rússia. Isso pelo fato de que o treinador chamou vários jogadores jovens, que pela primeira vez foram lembrados para defender o time nacional.

LUIS SUÁREZ

Já o atacante Luis Suárez acabou ficando fora desta listagem mesmo estando liberado para disputar amistosos pela seleção uruguaia. Punido pela Fifa, o jogador segue cumprindo a punição de nove partidas oficiais sem poder atuar pelo time nacional, sendo que já cumpriu um deles, que foi o confronto válido pelas oitavas de final da Copa do Mundo.

Duramente punido por ter mordido o zagueiro Chiellini no jogo no qual o Uruguai venceu a Itália por 1 a 0 e eliminou o rival do Mundial, o novo reforço do Barcelona também segue cumprindo uma punição de quatro meses ao total sem poder atuar pelo time espanhol em partidas oficiais, mas já fez a sua estreia pela equipe no amistoso diante do León, do México, na última segunda-feira, no Camp Nou, pelo Troféu Joan Gamper.

A escalação de Suárez neste duelo foi possível depois que a Corte Arbitral do Esporte (CAS, na sigla em inglês) aliviou a pena aplicada pela Fifa, após analisar recurso contra a punição. O máximo tribunal esportivo liberou o atleta, que antes estava proibido de participar de qualquer atividade ligada ao futebol por quatro meses, para iniciar os treinos no clube e até disputar amistosos, pelo Barça ou pela própria seleção.

O departamento jurídico da AUF, porém, recomendou que Suárez não fosse convocado para estes três próximos amistosos por temer alguma pena adicional a ser aplicada pela Fifa caso o jogador defendesse o Uruguai em um amistoso. A entidade preferiu esperar que o atleta termine de cumprir a sua pena de quatro meses, o que só acontecerá em 26 de outubro, para depois incluí-lo em convocações.

Confira a lista de 29 pré-convocados do Uruguai:

Goleiros: Fernando Muslera (Galatasaray), Martín Silva (Vasco), Rodrigo Muñoz (Libertad) e Martín Campaña (Defensor Sporting).

Defensores: Diego Godín (Atlético de Madrid), José María Giménez (Atlético de Madrid), Sebastián Coates (Liverpool), Emiliano Velázquez (Danubio), Martín Cáceres (Juventus), Maximiliano Pereira (Benfica), Jorge Fucile (Nacional), Álvaro Pereira (São Paulo), Mathías Corujo (Universidad de Chile), Matías Aguirregaray (Estudiantes) e Alejandro Silva (Peñarol).

Meio-campistas: Walter Gargano (Napoli), Egidio Arévalo Ríos (Tigres), Álvaro González (Lazio), Diego Laxalt (Empoli), Camilo Mayada (Danubio), Jorge Rodríguez (Peñarol), Nicolás Lodeiro (Corinthians), Cristian Rodríguez (Atlético de Madrid) e Giorgian De Arrascaeta (Defensor Sporting).

Atacantes: Cristhian Stuani (Espanyol), Diego Rolan (Bordeaux), Jonathan Rodríguez (Peñarol), Edinson Cavani (Paris Saint-Germain) e Abel Hernández (Palermo).