Alex Silva|Estadão
Alex Silva|Estadão

Sem Thiago Mendes, Ceni faz mistério para escalar o São Paulo

Treinador tem algumas opções e muitos desfalques no meio de campo

Paulo Favero, O Estado de S.Paulo

25 Maio 2017 | 07h02

O técnico Rogério Ceni começa a preparar o time do São Paulo para enfrentar o Palmeiras e sua principal dúvida é sobre quem ocupará o lugar de Thiago Mendes, que está machucado, no clássico de sábado. Ele já adiantou que não tem nenhum atleta com as mesmas características do titular no elenco e ainda tem desfalques que poderiam cumprir essa função.

Wesley, por exemplo, tem um estilo de jogo parecido, mas está machucado, com uma lesão muscular. Já Araruna, que segundo Ceni tem uma dinâmica no meio parecida com a de Thiago Mendes, apesar de não ter a mesma força ofensiva, voltou a treinar com seus companheiros na quarta-feira, mas não deve estar em forma até o clássico.

Com isso, Ceni tem duas alternativas: manter o esquema, colocando um volante como João Schmidt ou Eder Militão no lugar de Mendes, mantendo praticamente o mesmo time que venceu o Avaí, ou montar a equipe com três zagueiros, dando lugar a Maicon para formar o trio defensivo com Lugano e Rodrigo Caio.

O treinador deu a entender que Maicon deve voltar ao time titular no sábado, mas não especificou se Lugano perderia lugar no time. Na frente, Marcinho e Luiz Araújo disputam uma vaga. O primeiro tem sido titular, mas o jovem atacante entrou bem contra o Avaí, fez um gol e criou uma dúvida na cabeça do treinador.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.