1. Usuário
Assine o Estadão
assine
  • Comentar
  • A+ A-
  • Imprimir
  • E-mail

Show pode tirar jogo com o Corinthians da arena do Palmeiras

- Atualizado: 11 Fevereiro 2016 | 19h 35

Coldplay vai tocar na casa alviverde dia 7, próximo do clássico

O clássico entre Palmeiras e Corinthians, dia 3 de abril, válido pela 14ª rodada do Campeonato Paulista, pode não ser realizado no Allianz Parque, embora o mando de jogo seja do time alviverde. Tudo porque o local receberá um show da banda Coldplay no dia 7 e ainda não é certo que os organizadores do estádio consigam fazer as mudanças em tempo hábil.

"Temos o compromisso de agendar os eventos com a maior antecedência possível. O show do Coldplay esta agendado há bastante tempo. Fazemos isso para que as agendas sejam conciliadas o máximo possível. Mesmo assim, foi agendado o jogo com o Corinthians em uma data que estaria bloqueada para a montagem do palco. Vamos fazer de tudo com o promotor para conseguir (a realização do jogo)", disse Alexandre Costa, gerente da arena alviverde.

O estádio já tem alguns shows marcados neste ano. Nos dias 17, 19 e 26 de março, a casa alviverde receberá as bandas Maroon 5 e Iron Maiden. No dia 23, o Palmeiras recebe o Red Bull Brasil e no dia 30, o Rio Claro. Alexandre Costa acredita que para esses jogos o estádio estará liberado.

Novo gramado deve suportar de forma mais eficiente a carga de shows e jogos do Palmeiras
Novo gramado deve suportar de forma mais eficiente a carga de shows e jogos do Palmeiras

"Não podemos dar garantia de nada a essa distância. Se o jogo é quatro dias após o show, contamos que vamos fazer a desmontagem em três dias. Portanto, no quarto dia dá para ter jogo", projetou o gerente.

Em 2015, o Palmeiras disputou dois jogos no Pacaembu justamente por causa de realização de shows em sua arena: contra Grêmio e Sport, pelo segundo turno do Campeonato Brasileiro.

Comentários

Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Estadão.
É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Estadão poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os criterios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.

Você pode digitar 600 caracteres.

Mais em EsportesX