Vincent West/Reuters
Vincent West/Reuters

Simeone diz já ter substituto para lateral e promete Atlético como torcida sonha

Zagueiro Stefan Savic deve jogar na direita

Estadão Conteúdo

01 Maio 2017 | 15h18

O técnico argentino Diego Simeone minimizou os problemas de contusão com jogadores na lateral-direita e avisou que já encontrou um novo substituto para o duelo do Atlético de Madrid contra o Real Madrid nesta terça-feira, às 15h45 (de Brasília), no estádio Santiago Bernabéu, em Madri, no jogo de ida das semifinais da Liga dos Campeões da Europa.

Em entrevista coletiva realizada nesta segunda-feira, o treinador também evitou lamentar a sequência de lesões de seus jogadores, mas não revelou quem entrará em campo no clássico espanhol. "Tenho claríssimo quem vai jogar. Interpreto o futebol de uma maneira que as ausências são importantes porque, como é um jogo em equipe, a equipe deve suprir essa falta. Quem entrar, dará conta do recado", comentou.

Os problemas no lado direito do campo começaram com a lesão de Juanfran no jogo de volta contra o Leicester City, na Inglaterra, pelas quartas de final da Liga dos Campeões. O substituto imediato para posição, Sime Vrsaljko, estava no departamento médico por conta de um problema no joelho.

Para o duelo contra o Las Palmas do último sábado pelo Campeonato Espanhol, Diego Simeone optou por deslocar o volante José Giménez para o setor. O jogador, no entanto, sofreu uma lesão muscular e é dúvida também para o duelo de volta contra o Real Madrid, marcado para o próximo dia 10, no estádio Vicente Calderón, também na capital espanhola.

Com tantos problemas, Diego Simeone pode improvisar o zagueiro Stefan Savic na direita. Com isso, Lucas Hernández entraria na zaga. Mas para fazer isso, ele teria que mexer em um dos setores do campo mais sólidos da equipe que é a dupla defensiva formada por Savic e Diego Godin.

O treinador do Atlético de Madrid avisou que a ideia para o jogo é fechar a equipe atrás e aguentar a pressão inicial do adversário. "Eles virão fortes por atuarem em casa. O Isco virá por trás dos pontas ou com James e Asensio nos costados. Seguraremos a pressão no início e a partir daí teremos que estar fortes para levá-los onde para nós é mais cômodo", afirmou.

Para isso, Diego Simeone prometeu uma equipe muito aguerrida. "Vamos formar um time que vai competir como sonha qualquer torcedor do Atlético de Madrid em um jogo como o de amanhã (terça-feira)", finalizou.

Mais conteúdo sobre:
futebol Diego Simeone

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.