1. Usuário
Assine o Estadão
assine
Copa 2014

Sonho espanhol do bicampeonato na Copa durou só duas rodadas

Ciro Campos - O Estado de S. Paulo

07 Julho 2014 | 05h 00

Fúria fez partidas ruins e ao perder para Holanda e Chile, chegou para a última rodada, contra a Austrália, apenas para cumprir tabela

Durou apenas duas rodadas o projeto espanhol do bicampeonato do mundo. Com as derrotas prematuras, a seleção já não tinha mais chances de classificação na última rodada, resultado que representou o fim de uma era vitoriosa, liderada por Xavi, cérebro do meio-campo.

O jogador só atuou na estreia, na goleada por 5 a 1 para a Holanda. Depois, presenciou do banco a derrocada do estilo de jogo tiki-taka, marcado pela posse de bola e troca de passes. A receita foi fundamental para que a equipe, em seis anos, conquistasse dois títulos da Eurocopa e a Copa do Mundo de 2010.

Mas tamanho sucesso levou os adversários a estudarem a Espanha e a aprenderem como poderiam neutralizar a favorita. Se La Roja sonhava em terminar a Copa de forma apoteótica no Maracanã, passou pelo pesadelo de viver, no mesmo estádio, a eliminação precoce na primeira fase, ao perder para o Chile.

Fábio Motta/Estadão
Derrota para o Chile confirmou eliminação da Espanha

Copa 2014