1. Usuário
Assine o Estadão
assine
Copa 2014

Técnico da seleção portuguesa critica jogo às 13 horas em Salvador

FERNANDO FARO - Enviado especial a Salvador - O Estado de S. Paulo

15 Junho 2014 | 19h 57

Paulo Bento lembrou os problemas apresentados na Copa dos Estados Unidos, disputada no auge do verão norte-americano

Paulo Bento respondia tranquilamente às perguntas na entrevista coletiva deste domingo quando foi questionado sobre o planejamento da seleção portuguesa para a Copa do Mundo. O treinador, então, mudou o semblante para defender o trabalho feito e partiu para o ataque contra a Fifa, que colocou o jogo com a Alemanha, que marca a estreia das duas equipes no Grupo G, para as 13 horas desta segunda-feira, na Fonte Nova, em Salvador.

O treinador português lembrou os problemas apresentados na Copa dos Estados Unidos, em 1994, disputada no auge do verão norte-americano, e lamentou que a entidade tenha colocado a partida tão cedo em uma sede como Salvador, onde o calor costuma ser frequente.

"Traçamos um plano para o estágio em três etapas: uma no nosso país, com um amistoso, uma semana nos Estados Unidos, com dois jogos, e chegar ao Brasil na data obrigatória. Não acho que haja prejuízo por termos escolhido esse caminho. Prejuízo é fazer jogos à uma da tarde e já se podia ter aprendido antes. Nos Estados Unidos também jogaram às duas da tarde com temperaturas bastante elevadas e isso é ruim para os jogadores e torcedores. Não é forma de proteger o futebol", criticou o treinador.

Francisco Leong/AFP
Paulo Bento exaltou a preparação portuguesa para a Copa

Portugal tem se preparado na cidade de Campinas, no interior de São Paulo, e Paulo Bento elogiou o desempenho dos comandados no período de treinamentos. Para ele, a seleção chega mais forte ao Mundial. "Estamos melhores do que quando iniciamos a preparação porque não tínhamos todos os jogadores e ainda tivemos alguns problemas físicos até chegar ao Brasil, mas depois pudemos trabalhar com o grupo todo. Vamos tentar ser superiores a um adversário complicado e competente", analisou.

Copa 2014