1. Usuário
Assine o Estadão
assine
Copa 2014

Técnico do Equador exalta qualidade individual da França

Agência Estado

21 Junho 2014 | 21h 12

Para conseguir a classificação para as oitavas de final, a seleção equatoriana necessita vencer os franceses no Maracanã

O técnico do Equador, o colombiano Reinaldo Rueda, está preocupado com o próximo adversário de sua equipe. Os sul-americanos enfrentam a França na quarta-feira, no estádio do Maracanã, em duelo decisivo pela terceira rodada do Grupo E da Copa do Mundo. Mesmo com os adversários muito próximos da classificação para as oitavas de final, o treinador está atento à qualidade individual dos franceses, "capaz de resolver uma partida a qualquer momento".

Além do potencial dos jogadores adversários, Rueda destacou também o bom trabalho que os franceses vêm fazendo como equipe em entrevista coletiva concedida em Viamão, na região metropolitana de Porto Alegre. "A França vem jogando um futebol muito atrativo. Os vejo muito fortes no aspecto coletivo", analisou.

Depois da vitória por 2 a 1 sobre Honduras na última sexta, o treinador comandou uma sessão tranquila de treinos neste sábado. Rueda se disse muito satisfeito com os três pontos conquistados ante os hondurenhos e irá apostar nos pontos fortes de sua equipe para voltar a vencer contra os franceses. "Temos que fortalecer nosso ataque pelos lados, que caracteriza nosso jogo, e fazer uma partida inteligente", ressaltou.

Abdallah Dalsh/Reuters
Para conquistar a classificação, os comandados de Rueda precisam vencer a França no Maracanã

Perguntado sobre o atacante Benzema, destaque da França com três gols, o técnico de Equador reconheceu a qualidade do jogador, mas garantiu que não haverá marcação individual sobre nenhum dos atletas franceses.

Também presente na coletiva, o meia Édison Méndez afirmou que a partida contra a França será diferente dos dois jogos que o Equador realizou anteriormente e, assim como seu técnico, disse que será necessário inteligência para conseguir um bom resultado. "A França fez duas ótimas partidas. Eles chegam muito à área adversária, então teremos que fazer um jogo diferente do que apresentamos contra Suíça e Honduras", afirmou.

Os equatorianos, assim como a Suíça, têm três pontos no Grupo E, à frente de Honduras, que ainda não pontuou. Os suíços enfrentam os hondurenhos, também na quarta, em Manaus. Apesar de todas as equipes do grupo ainda terem chances matemáticas de classificação, a França se encontra muito próxima de uma vaga, por já ter 6 pontos e um saldo positivo de seis gols.

Copa 2014

Você já leu 5 textos neste mês

Continue Lendo

Cadastre-se agora ou faça seu login

É rápido e grátis

Faça o login se você já é cadastro ou assinante

Ou faça o login com o gmail

Login com Google

Sou assinante - Acesso

Para assinar, utilize o seu login e senha de assinante

Já sou cadastrado

Para acessar, utilize o seu login e senha

Utilize os mesmos login e senha já cadastrados anteriormente no Estadão

Quero criar meu login

Acesso fácil e rápido

Se você é assinante do Jornal impresso, preencha os dados abaixo e cadastre-se para criar seu login e senha

Esqueci minha senha

Acesso fácil e rápido

Quero me cadastrar

Acesso fácil e rápido

Cadastre-se já e tenha acesso total ao conteúdo do site do Estadão. Seus dados serão guardados com total segurança e sigilo

Cadastro realizado

Obrigado, você optou por aproveitar todo o nosso conteúdo

Em instantes, você receberá uma mensagem no e-mail. Clique no link fornecido e crie sua senha

Importante!

Caso você não receba o e-mail, verifique se o filtro anti-spam do seu e-mail esta ativado

Quero me cadastrar

Acesso fácil e rápido

Estamos atualizando nosso cadastro, por favor confirme os dados abaixo