Vítor Silva / SS Press / Botafogo
Vítor Silva / SS Press / Botafogo

Técnico minimiza vantagem conquistada no Chile e admite oscilação do Botafogo

Equipe alvinegra foca agora na estreia do Brasileirão diante do Palmeiras

Estadão Conteúdo

13 Abril 2018 | 10h02

O Botafogo largou bem na Copa Sul-Americana. Com uma virada na etapa final, o time derrotou o Audax Italiano por 2 a 1, no Chile, na noite de quinta-feira, ficando mais próximo da classificação à próxima fase. O técnico Alberto Valentim, porém, alertou que nada está definido e assegurou que o time não vai disputar o jogo de volta, em 9 de maio, no Engenhão, pensando na vantagem conquistada.

+ ESPECIAL: Guia do Campeonato Brasileiro de 2018

+ Arnaldo deixa o Botafogo e assina por empréstimo com o Ceará para o Brasileirão

+ Botafogo anuncia renovação do contrato do lateral Marcinho até 2020

"Se nós tivéssemos ganhado de 3 a 0, a classificação estaria decretada. Pelo contrário. Quando nos aproximarmos da partida, vamos nos preparar bem. Mas não vamos lembrar da vantagem, só nos minutos finais ou nos acréscimos", afirmou o treinador botafoguense em entrevista coletiva.

Apesar da vitória, o time oscilou no duelo de quinta-feira. Afinal, após um bom começo, foi vazado por Sérgio Santos, aos 40 minutos do primeiro tempo, conseguindo a virada com os gols marcados por Brenner e Rodrigo Pimpão na etapa final. E Valentim reconheceu que a equipe não conseguiu manter o mesmo nível de atuação durante os 90 minutos.

"Nosso time começou bem, criando jogadas com o Gilson. Depois nos perdemos, erramos algumas saídas e fizemos com que o Audax jogasse no nosso campo de defesa. E aí eles fizeram o gol", comentou.

Após a estreia vitoriosa na Sul-Americana, o Botafogo agora se concentra no Campeonato Brasileiro. Na segunda-feira, o time vai duelar com o Palmeiras, no Engenhão, pela rodada inicial da competição nacional.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.