1. Usuário
Assine o Estadão
assine

Técnico Queiroz deixará seleção do Irã após Copa

REUTERS

19 Junho 2014 | 16h 41

Carlos Queiroz vai deixar o cargo de treinador do Irã após a Copa do Mundo devido à falta de apoio financeiro por parte do governo, disse ele nesta quinta-feira.

O treinador nascido em Moçambique afirmou que as discussões com a Associação Iraniana de Futebol se encerraram e que ele não vai comandar a equipe melhor ranqueada do continente na Copa da Ásia de 2015, na Austrália.

"Sim, minha ligação vai terminar aqui na Copa do Mundo", disse o ex-técnico do Real Madrid em entrevista ao jornal português Público.

"Não houve apoio do governo...deixou de ser um interesse genuíno por causa da situação financeira. O diálogo foi encerrado e eu já decidi não ficar."

Queiroz há muito tempo lamenta as restrições financeiras que ele teve ao trabalhar no Irã, principalmente por causa das restrições políticas. Ele teve que se esforçar para organizar amistosos preparatórios para a equipe depois da classificação para seu quarto Mundial.

Apesar dos problemas e limitações em seu elenco, a tática de Queiroz surtiu efeito, e os iranianos seguraram a campeã africana Nigéria em um empate por 0 x 0 em sua partida de abertura na Copa do Mundo, na segunda-feira.

(Reportagem de Patrick Johnston e Brian Homewood em Brasília)