1. Usuário
Assine o Estadão
assine
  • Comentar
  • A+ A-
  • Imprimir
  • E-mail

Time reserva da Lusa vence jogo-treino contra equipe chinesa de Luxemburgo

- Atualizado: 02 Fevereiro 2016 | 21h 38

Tianjin Quanjian se despede do Brasil sem nenhuma vitória

O Tianjin Quanjian se despediu da pré-temporada no Brasil sem conseguir sequer um empate nos cinco jogos-treino que realizou. Na tarde desta terça-feira, diante de poucas torcedores que compareceram ao Canindé, o time chinês de Vanderlei Luxemburgo foi derrotado pela Portuguesa, por 1 a 0. O técnico Estevam Soares aproveitou a atividade para testar alguns jogadores de olho na Série A2 do Campeonato Paulista.

Em atividade aberta ao público, a Portuguesa entrou em campo com um time reserva e desconhecido formado por: Farley; Cesinha, Guilherme Almeida, Caíque e Ronaldo; Vinícius, Labarth, Caio, Natal e Diego; Guilherme.

Caio marcou o gol da Portuguesa em vitória sobre o Tianjin Quanjian
Caio marcou o gol da Portuguesa em vitória sobre o Tianjin Quanjian

Além de preservar os titulares, que enfrentam o Juventus, nesta quarta-feira, às 20 horas, no Canindé, pela segunda rodada da Série A2, Estevam Soares viu alguns jogadores que podem ser aproveitados ao longo da temporada.

Apesar de ter apresentado melhora em relação aos últimos jogos-treino realizados, o Tianjin Quanjian não conseguiu a tão esperada vitória. Luis Fabiano chegou a acertar a trave de Farley, Geuvânio mostrou muita movimentação e Jadson assustou em duas cobranças de falta.

No entanto, quem balançou as redes foi Caio, no início do segundo tempo. Após boa troca de passes, o meia recebeu livre dentro da área e só tirou do goleiro, garantindo a vitória do time paulista.

Antes dessa terça-feira, o Tianjin Quanjian havia feito três jogos-treino e um amistoso e perdeu todos: 2 a 1 para o XV de Piracicaba, 4 a 0 para o Bragantino, 4 a 2 diante do Taubaté e 5 a 1 para o Vitória. Já a Portuguesa estreou na Série A2 com um empate sem gols contra o Barretos, fora de casa.

Comentários

Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Estadão.
É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Estadão poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os criterios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.

Você pode digitar 600 caracteres.

Mais em EsportesX