José Patrício/Estadão
José Patrício/Estadão

Tite irá escalar força máxima à disposição no clássico com São Paulo

'Quero que a equipe mantenha o padrão', declara técnico

RAPHAEL RAMOS, Estadão Conteúdo

06 Março 2015 | 19h05

Apesar de os jogadores de linha que atuaram contra o San Lorenzo, quarta-feira, pela Libertadores, não terem treinado com o restante do elenco nesta sexta-feira, o técnico Tite indicou que vai escalar força máxima diante do São Paulo, domingo, pelo Campeonato Paulista, no Morumbi. Os únicos desfalques deverão ser o meia Renato Augusto, que levou uma pancada no tornozelo esquerdo na Argentina e ficará dez dias fora de combate, e o atacante Mendoza, com uma lesão no músculo adutor da coxa esquerda.

"Na semana seguinte não temos jogo da Liberadores, por isso todos que estão à disposição vão para o jogo", justificou o treinador, em entrevista coletiva.

No treino desta sexta-feira, os reservas fizeram um trabalho tático em campo reduzido comando por Tite. Os atacantes Guerrero, que cumpriu suspensão na quarta-feira, e Emerson Sheik, que foi vetado da viagem à Argentina por causa de uma inflamação no joelho direito, participaram da atividade. Quem enfrentou o San Lorenzo apenas correu em volta do gramado, mas deve jogar no domingo.

"Quero que a equipe continue crescendo, mantenha o padrão. Clássico é um campeonato à parte", explicou o comandante.

O Corinthians faz um bom início de temporada e está invicto há 12 jogos. Tite, no entanto, ainda vê muitos pontos para ser aprimorados na equipe. Por isso, ele faz questão de escalar os titulares diante do São Paulo. "Temos responsabilidade com o nosso trabalho e respeito com os adversários. Temos de evoluir em aspectos importantes, como a bola parada, por exemplo, porque demos oportunidade de gol para o San Lorenzo nesse tipo de jogada."

Desta forma, o Corinthians deve jogar neste domingo com Cássio; Fagner, Edu Dracena (Felipe), Gil e Uendel; Ralf, Elias, Jadson, Danilo (Petros) e Emerson; Guerrero.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.