1. Usuário
Assine o Estadão
assine
  • Comentar
  • A+ A-
  • Imprimir
  • E-mail

'Tomei um gol defensável', reconhece goleiro Cássio após 2 a 2

- Atualizado: 21 Fevereiro 2016 | 22h 43

Corinthians esteve duas vezes atrás no placar em Araraquara

O goleiro Cássio reconhece as falhas no empate do Corinthians por 2 a 2 contra a Ferroviária, na noite deste domingo, pelo Campeonato Paulista. A mais grave foi a que originou o segundo gol do time de Araraquara. Após um chute de fora da área de Juninho, o goleiro foi mal para a bola. "Tomei um gol defensável. Acontece. O time todo está evoluindo, crescendo e isso acontece comigo também, mas não vai mais acontecer", disse o goleiro após a igualdade em Araraquara.

O goleiro também reconheceu falhas menores, principalmente em bolas alçadas na área. "Estava inteiro nos lances, mas não tive a ação correta em algumas saídas de bola", disse o goleiro.

Primeiro gol de Giovanni Augusto com a camisa do Corinthians valeu um precioso ponto em Araraquara

Primeiro gol de Giovanni Augusto com a camisa do Corinthians valeu um precioso ponto em Araraquara

Sofrendo com problemas musculares ao longo do segundo tempo, o goleiro negou que esse problema tenha influenciado no lance do gol. "Eu poderia dar essa desculpa, mas não foi o que aconteceu. Eu não senti nada no lance. Foi um sacrifício. É sempre difícil jogar contra a Ferroviária em Araraquara. O mais importante foi continuar pontuando".

Embora tenha perdido os 100% de invencibilidade no Campeonato Paulista, o Corinthians tem agora seis jogos oficiais sem perder. Pelo Campeonato Paulista, são quatro vitórias (XV de Piracicaba, Audax, Capivariano e São Paulo) e um empate (Ferroviária). Com isso, é o líder do Grupo D com 13 pontos. Além disso, soma uma vitória pela fase de grupos da Copa Libertadores, contra o Cobresal.  O próximo jogo será diante do São Bento, em Sorocaba, na quarta-feira. 

Corinthians em 2016
Daniel Augusto Jr./Divulgação
Vitória x Corinthians

Volante Elias vai para a seleção brasileira e, com proposta da China, pode nem voltar mais ao Corinthians

Comentários

Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Estadão.
É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Estadão poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os criterios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.

Você pode digitar 600 caracteres.

Mais em EsportesX