Reprodução
Reprodução

Torcedor assumido do Cerro, ex-lateral Arce irá treinar o Olimpia

Ídolo do rival, técnico será apresentado na tarde desta segunda

Estadão Conteúdo

16 Março 2015 | 12h13

O ex-lateral Francisco Arce terá casa nova a partir desta segunda-feira. O ex-jogador de Grêmio e Palmeiras foi confirmado como novo técnico do Olimpia, do Paraguai, e será apresentado nesta tarde. O clube confirmou o acerto, que terá duração até o fim da atual temporada, em dezembro, de acordo com o imprensa local.

O fato curioso é que Arce é ídolo do principal rival do Olimpia, o Cerro Porteño, clube do qual inclusive já admitiu ser torcedor fanático algumas vezes. O Cerro, aliás, foi o último time que ele treinou, sendo demitido em agosto do ano passado depois de uma série de maus resultados. Lá, no entanto, foi campeão do Torneio Clausura em 2013 de forma invicta.

Arce terá como assistente-técnico Carlos Humberto Paredes, que desta forma deixa o elenco profissional do Olimpia, aos 38 anos, para se tornar membro de uma comissão técnica pela primeira vez. Os dois, aliás, atuaram juntos pela seleção paraguaia nas Copas do Mundo de 1998 e 2002.

Arce começou a carreira como jogador no início dos anos 90 pelo Cerro Porteño, onde ficou até 1995, quando começou sua relação com o futebol brasileiro. Naquele ano, desembarcou no Grêmio, onde atuaria até 1997, tendo conquistado a Libertadores de 1995. De 1998 a 2002 vestiu as cores do Palmeiras, faturando mais uma Libertadores, em 1999. O lateral ainda jogou no Japão, no Gamba Osaka, e voltou ao Paraguai para defender o Libertad e o 12 de Octubre antes de se aposentar.

Mais conteúdo sobre:
futebol internacional futebol Arce Olimpia

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.