Torcedores e jogadores do Real comemoram juntos título espanhol em praça de Madri

Clube é campeão do Espanhol pela 33ª vez

Estadao Conteudo

22 Maio 2017 | 18h30

Milhares de torcedores do Real Madrid festejaram durante a madrugada desta segunda-feira, junto com os seus ídolos, a conquista do 33.º título do Campeonato Espanhol do clube após a vitória de domingo contra o Málaga por 2 a 0, no estádio La Rosaleda, na casa do adversário.

A festa foi realizada na Praça de Cibeles, um dos locais mais simbólicos de Madri, onde foram preparados shows de música e luzes. Os atletas e a comissão técnica chegaram ao local por volta das 2h30 da madrugada desta segunda (no horário local) e se juntaram aos fãs. Os novos campeões da liga também visitaram as sedes da Câmara Municipal e da Prefeitura de Madri.

O ônibus da delegação, que ostentava o slogan "33 Ligas Campeões 2016/2017", foi recebido com cânticos dos eufóricos torcedores merengues. Os jogadores subiram na passarela situada sobre a fonte e comemoraram junto com os fãs mais esse título. O momento máximo da celebração ocorreu quando Sergio Ramos e Marcelo colocaram uma bandana e a bandeira do Real Madrid na estátua da deusa grega da fertilidade.

O técnico da equipe madrilenha, o francês Zinedine Zidane, não escondeu a empolgação pela conquista. "Estamos contentes de celebrar o título com todos os torcedores. O conseguimos depois de 10 meses. Houve muitos momentos bonitos, mas me apego com a recordação da vitória de ontem (domingo), que é a última e nos deu o campeonato", comemorou.

O craque Cristiano Ronaldo agradecer a torcida pelo apoio dado ao longo da competição. "Muito obrigado por estarem aqui hoje (segunda-feira). Este título é de vocês pelo apoio. Agora, vamos à final da Champions (Liga dos Campeões da Europa)", ressaltou o português, autor de um dos gols do time na vitória que deu o título espanhol ao Real Madrid, após cinco temporadas.

O zagueiro Sérgio Ramos também fez questão de valorizar o carinho dos fãs e a importância deles na campanha da equipe. "Agradecemos o carinho e o apoio que mostraram sempre. Mais uma vez, a Liga vem para casa e queremos compartilhá-la com todos vocês. Muito obrigado e oxalá possamos voltar em duas semanas com a Champions", bradou o capitão do Real Madrid.

O lateral-esquerdo brasileiro Marcelo, um dos jogadores mais importantes da campanha vitoriosa na temporada, enfatizou a luta do time durante todo o campeonato, destacou a longa carreira construída no clube merengue e convocou os torcedores a continuar apoiando o time para a final da Liga dos Campeões da Europa, no dia 3 de junho, diante da Juventus, em Cardiff, no País de Gales.

"Estamos muito contentes por oferecer este título aos torcedores. Foi um campeonato difícil, mas lutamos até o final e conseguimos ganhá-lo. Toda a minha carreira foi no Real Madrid, estou muito contente pelos dez anos (no clube) e quero ganhar mais. Sempre é belo ganhar títulos. Fizemos uma grande temporada. Temos que seguir. Dia 3 de junho teremos outra final", projetou Marcelo.

O Real Madrid tentará o seu terceiro título da principal competição europeia em quatro temporadas (12.º na história do clube). A vitória dará ao clube espanhol o primeiro bicampeonato europeu junto com o título nacional em seis décadas.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.