Assine o Estadão
assine

Esportes

Paulistão

Torcendo pelo 'fico' de Ricardo Oliveira, Santos volta ao Pacaembu

Atacante não joga porque está na mira do futebol chinês

0

O Estado de S.Paulo

25 Fevereiro 2016 | 12h49

Na expectativa de que o artilheiro Ricardo Oliveira continue no clube após a proposta do Beijing Guoan, da China, o Santos enfrenta o Mogi Mirim nesta quinta-feira pelo Campeonato Paulista. O clube da Vila Belmiro volta a jogar no Pacaembu depois de quase cinco meses. O objetivo é atrair mais público, o que aumentaria a renda, e se aproximar dos torcedores da Capital paulista.

O Santos tem dificuldades para mandar seus jogos na capital em função de determinações Polícia Militar, que veta a realização de duas partidas dos clubes grandes no mesmo dia. O Santos atuou pela última vez no Pacaembu no dia 1º de outubro do ano passado, quando venceu o Figueirense e se classificou para as semifinais da Copa do Brasil. Na ocasião, 25.930 torcedores foram ao estádio e geraram R$ 1.281.485,00 de renda para o Santos.

Para substituir Ricardo Oliveira, que pediu para não jogar para definir sua transferência, o técnico Dorival Junior deverá apostar no reforço Joel; Gabriel e Paulinho devem completar o ataque. Na defesa, o zagueiro Luiz Felipe, contratado do Paraná, deve fazer sua estreia. Apesar de o atacante titular ter manifestado o desejo de jogar na China, o Santos confia em sua permanência. O motivo principal é a falta de tempo para a concretização do negócio. Isso porque a janela de transferências do Brasil para a Ásia fecha na sexta-feira. Como a China está 11 horas à frente do horário de Brasília, a transferência precisa ser concretizada ainda nesta quinta-feira. O Santos fixou a venda em 12 milhões de euros (R$ 53 milhões). 

FICHA TÉCNICA

Santos

Vanderlei, Victor Ferraz, Lucas Veríssimo, Gustavo Henrique e Zeca; Thiago Maia, Renato e Lucas Lima; Gabriel, Joel e Patito (Serginho).

Mogi Mirim

Daniel; Wendel, Renato Santos, Bruno Costa e Bruno Teles; Gabriel Dias, Bruninho (Alex Reinaldo) e Lulinha; Keké, Léo Melo e Roni.

Local: Pacaembu

Horário: 19h30

Árbitro: Alessandro Darcie

 

Comentários