1. Usuário
Assine o Estadão
assine

Torcida invade sede do Palmeiras durante reunião de conselho

Ciro Campos - O Estado de S. Paulo

01 Setembro 2014 | 23h 32

Membros do Conselho Deliberativo votavam plano para devolver ao presidente Paulo Nobre valor de empréstimo e PM foi chamada 

Um grupo de cerca de 50 torcedores do Palmeiras invadiu na noite desta segunda-feira a reunião do Conselho Deliberativo, na sede social do clube. Por volta das 22h, o grupo entrou pelas obras da Allianz Parque e conseguiu acessar a sala onde os conselheiros aprovaram o plano de devolver os cerca de R$ 115 milhões que o presidente Paulo Nobre emprestou à equipe. Alguns dos presentes foram agredidos e a Polícia Militar foi chamada.

Durante a invasão, Nobre ficou aterrorizado e ligou desesperadamente para pedir reforço policial. Segundo um dos conselheiros que estavam na reunião, o presidente não chegou a ser agredido e o ato violento teve como alvos tanto representantes da situação quanto da oposição do Palmeiras. Depois da chegada da polícia, os torcedores se dispersaram e parte dos presentes ao encontro foi embora escoltada pela polícia.

Ainda com a proteção, os torcedores chutaram os carros dos conselheiros e arremessaram latas. Um dos alvos mais visados foi o veículo do ex-presidente Arnaldo Tirone.

Na reunião foi votado um plano de pagamento de dívidas do Palmeiras para empréstimos que o presidente fez para o clube. Pela proposta discutida e aprovada na reunião, metade de toda a receita do clube será destinada a um fundo para pagamento de dívidas e desse montante, 20% serão usados para pagar especificamente o débito com Nobre.