1. Usuário
Assine o Estadão
assine

Copa 2014

Uruguai terá o respeito dos rivais, garante Rodríguez

Agência Estado

10 Junho 2014 | 21h 19

Segundo o jogador do Atlético de Madri, Rodríguez vê o grupo uruguaio como "forte, unido e com vontade"

A seleção uruguaia ganhou o respeito dos rivais. Quem garante é o meio-campista Cristian Rodríguez,em entrevista coletiva realizada nesta terça-feira, após o primeiro treino do Uruguai no Brasil, em preparação para a estreia na Copa contra a Costa Rica, marcada para o próximo sábado, em Fortaleza.

Para ele, "a boa fase de vários jogadores em seus clubes somado ao passado vitorioso da seleção serão suficientes para impor respeito nos adversários". Rodríguez joga no Atlético de Madrid, time sensação da Europa nesta temporada com a conquista do Campeonato Espanhol e do vice-campeonato na Liga dos Campeões.

Em relação à Costa Rica, Rodríguez disse se tratar de um rival "conhecido e respeitado". As duas seleções se enfrentaram na repescagem para a Copa de 2010, com vitória dos uruguaios, que terminaram o Mundial em quarto lugar. "Respeitamos a Costa Rica, mas sabemos o que temos que fazer para ganhar a partida."

Lavandeira Jr./EFE
Rodriguez concedeu entrevista coletiva após treino aberto em Sete Lagoas

Sobre o atual nível do plantel uruguaio, Rodríguez afirmou que "o grupo está forte, unido e com vontade". O meio-campista destacou também a situação do atacante Luis Suárez, que se recupera de uma artroscopia no joelho esquerdo. "Dependemos muito dele, que é um dos melhores atacantes do mundo", disse. "Luis está melhorando todos os dias e esperamos que possa estar cem por cento para jogar", completou.

Rodríguez disputará um Mundial pela primeira vez. Em 2010, esteve suspenso por ter agredido o argentino Demichelis durante as Eliminatórias. "Esperei muito pela oportunidade de estar em um Mundial e sinto orgulho por representar o meu país", afirmou.

Copa 2014