Fernanda Coimbra/CBF
Fernanda Coimbra/CBF

Vadão convoca Marta e mais 27 jogadoras para semana de treinos da seleção

Granja Comary receberá atletas enter os dias 13 e 20 de novembro

Estadão Conteúdo

09 Novembro 2017 | 15h14

O técnico da seleção brasileira feminina de futebol Osvaldo Alvarez, o Vadão, convocou nesta quinta-feira 28 jogadoras, entre elas a estrela Marta, que hoje defende o Orlando Pride, dos Estados Unidos, para uma semana de treinos na Granja Comary, no CT da CBF, em Teresópolis (RJ). As atividades serão realizadas entre a próxima segunda-feira e o dia 20 de novembro.

+ "Importante reiniciar trabalho com um título", diz Marta

O período de treinamentos servirá para o comandante fazer observações e testes visando os próximos passos do time nacional, do qual ele reassumiu o comando no mês passado em substituição à demitida Emily Lima.

Além de Marta, a listagem divulgada nesta quinta-feira pelo site oficial da CBF traz jogadoras convocadas pela primeira vez à seleção principal, como a atacante Jennifer, que defende o time norte-americano Notre Dame Fighting Irish, e a meio-campista Francisca, do Sporting Braga, de Portugal.

Outra jovem jogadora chamada foi a goleira Kemelli, que após ser observada por Vadão neste período de treinos seguirá na Granja Comary para treinar com a seleção brasileira sub-20, entre os dias 20 de novembro e 4 de dezembro, visando a disputa do Campeonato Sul-Americano da categoria, cujas datas e o local ainda serão definidas.

Essa convocação também conta com cinco jogadoras do Corinthians/Audax, campeão da Copa Libertadores Feminina neste ano. Tratam-se das goleiras Letícia Izidoro e Tainá, além das laterais Yasmin, Paula e Daiane Rodrigues.

No mês passado, no primeiro desafio de Vadão após a sua volta ao comando da seleção feminina, o time nacional conquistou o título da Copa CFA, torneio amistoso realizado na China. No próximo ano, o Brasil lutará para manter a sua hegemonia na Copa América, que será realizado no Chile entre os dias 4 e 22 de abril.

A competição sul-americana dará à seleção campeã e à vice-campeã vaga direta ao Mundial de 2019, na França, e à Olimpíada de Tóquio, em 2020. A terceira colocada disputará uma repescagem com uma seleção da Concacaf para também ir à França. E as quatro primeiras colocadas estarão garantidas nos Jogos Pan-Americanos de Lima, em 2019.

Confira a lista de convocadas da seleção brasileira:

Goleiras: Kemelli (3B, do Amazonas), Letícia Izidoro (Corinthians/Audax), Tainá (Corinthians/Audax) e Aline (Györ ETO FC-HUN).

Zagueiras: Renata (Flamengo), Camila (Santos), Bruna (Iranduba) e Gislaine (São José).

Laterais: Rilany (sem clube), Yasmin (Corinthians/Audax), Paula (Corinthians/Audax) e Daiane Rodrigues (Corinthians/Audax).

Meio-campistas: Thaisa (sem clube), Djenifer (Iranduba), Francisca (Sporting Braga), Juliana (Flamengo), Andressinha (Iranduba) e Gabi Zanotti (Jiangsu Suning Ladies-CHN).

Atacantes: Debinha (NC Courage-EUA), Bianca (3B, do Amazonas), Adriana (Rio Preto), Paula (Ferroviária), Raquel (Ferroviária), Geyse (Atlético de Madrid), Jennifer (Notre Dame Fighting Irish-EUA), Marta (Orlando Pride), Patrícia (Ferroviária) e Millene (Rio Preto).

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.