Divulgação
Divulgação

Vasco vence com gol de pênalti nos acréscimos e assume 3º lugar

Anderson Salles é o artilheiro da tarde, com dois gols

SÍLVIO BARSETTI, Estadão Conteúdo

26 Março 2015 | 18h29

O Vasco passou a ocupar o terceiro lugar do Campeonato Carioca ao vencer de virada o Boavista, por 2 a 1, na tarde desta quinta-feira, em Bacaxá, distrito de Saquarema (RJ). O time agora tem a mesma pontuação de Botafogo e Flamengo, mas fica atrás dos rivais no saldo de gols. O Vasco atuou com muitos desfalques e só conseguiu o gol da vitória aos 49 minutos do segundo tempo.

O zagueiro Anderson Salles foi o artilheiro do jogo. Fez os dois do Vasco. Já o Boavista, sem sorte na estreia do técnico Rodrigo Beckham, continua na zona de rebaixamento.

O jogo acabou prejudicado pelas condições do gramado do Estádio Eucy Resende de Mendonça - muito esburacado e irregular. Também teve muitas paralisações por causa de faltas e de antijogo. Ao todo, o árbitro Wagner Magalhães distribuiu oito cartões amarelos e expulsou dois atletas.

O Boavista partiu em busca do ataque desde o início e proporcionou um jogo aberto. O gol de Erick Flores foi um dos mais bonitos do campeonato. Ele encobriu o goleiro Jordi com estilo, num chute de fora da área.

Depois, como o ataque não funcionava, Anderson Salles começou a resolver a situação para o Vasco. Primeiro, ele cobrou uma falta de longe, a bola quicou e enganou o goleiro Carné.

Já nos acréscimos, Vitor Faísca derrubou Thalles na área. Anderson Salles se incumbiu da cobrança e garantiu três pontos para o Vasco.

FICHA TÉCNICA:

BOAVISTA 1 X 2 VASCO

BOAVISTA - Marcelo Carné; Yago, Gustavo, Bruno Costa e Jefferson Arroz; Vitor Faísca, Thiago, Willian Maranhão e Francismar (Max); Erick Flores (Marcelo Nicácio)e Anselmo (Juninho). Técnico - Rodrigo Beckham.

VASCO - Jordi; Nei, Rodrigo, Anderson Salles e Lorran; Victor Bolt (Montoya), Lucas, Julio dos Santos e Jhon Cley (Rafael Silva); Mosquito (Yago) e Thalles. Técnico - Doriva.

GOLS - Erick Flores, aos 6, e Anderson Salles, aos 9 e 49 minutos do segundo tempo.

ÁRBITRO - Wagner do Nascimento Magalhães.

CARTÃO AMARELO - Erick Flores, Yago (Boavista), Lucas, Max, Willian Maranhão, Gustavo, Montoya e Nei.

CARTÕES VERMELHOS - Yago (Boavista) e Montoya (Vasco).

LOCAL - Estádio Eucy Resende de Mendonça, em Saquarema (RJ).

Mais conteúdo sobre:
futebol Vasco Campeonato Carioca boavista

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.