Ricardo Duarte / SC Internacional
Ricardo Duarte / SC Internacional

Vice no Gaúcho, D'Alessandro provoca Grêmio: 'Só quem joga final tem medalha'

Para o argentino, Inter tem hegemonia 'muito grande' no estado

Estadao Conteudo

08 Maio 2017 | 11h42

O capitão do Internacional, D'Alessandro, valorizou o segundo lugar no Campeonato Gaúcho, logo depois da derrota nos pênaltis para o Novo Hamburgo no último domingo, pelo jogo de volta das finais do Estadual. Após o empate por 1 a 1 no tempo normal e, com o 2 a 2 do confronto de ida, a decisão foi para os pênaltis e o Inter perdeu para o time do interior por 3 a 1.

D'Alessandro cutucou o rival Grêmio, eliminado na semifinal. "Só quem joga final tem medalha", disse o argentino, em entrevista coletiva depois do jogo, em Caxias do Sul. "Estou aqui com a medalha. Muitas vezes nossa medalha era da cor dourada. Hoje é prateada, mas ainda tenho muito orgulho. É fruto de muito trabalho e dedicação", ressaltou.

Incomodado com as cobranças em relação ao desempenho do time no torneio, o jogador disse que, apesar de reconhecer falhas, vê o Inter melhor que o rival. "A imprensa sempre compara o Inter com o Grêmio, por que eu não vou comparar?", reclamou D'Alessandro. "Nós chegamos na final de novo. Existe uma hegemonia muito grande aqui no Sul e ela é nossa".

Apesar de valorizar o vice-campeonato, D'Alessandro lamentou a derrota na final e disse que o Internacional merecia ganhar pelo que apresentou no jogo de ida, em Porto Alegre, e no segundo tempo do jogo em Caxias do Sul. "(A derrota) vai doer alguns dias, tem que doer mesmo, para a gente refletir".

A partir de agora, de acordo com o jogador, o foco é na disputa da Série B do Brasileiro. O elenco do Inter se reapresenta na próxima terça para dar continuidade à preparação para a disputa da segunda divisão. "Temos que conseguir nosso objetivo. Vamos nos preparar bem. Vamos continuar trabalhando", disse o ídolo argentino.

O Internacional estreia na Série B no próximo sábado contra o Londrina, fora de casa, no estádio do Café. Na quarta-feira da semana que vem, o time viaja a São Paulo para jogar a primeira partida contra o Palmeiras pelas oitavas de final da Copa do Brasil.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.