Gilvan de Souza/Flamengo
Gilvan de Souza/Flamengo

Vinícius Júnior diz ainda não pensar no Real e projeta 'muitos títulos' pelo Fla

Aos 16 anos, atacante já está negociado com o time espanhol

O Estado de S.Paulo

25 Maio 2017 | 14h58

O atacante Vinícius Júnior, de 16 anos, projeta ganhar muitos títulos pelo Flamengo antes de seguir para o Real Madrid, time que anunciou a sua contratação na última terça-feira. Ele garante que o negócio milionário firmado entre os clubes não irá afetar o desempenho dele enquanto vestir a camisa rubro-negra.

"Fico muito feliz com essa negociação, mas não estou com a cabeça no Real Madrid ainda, estou pensando apenas no Flamengo. Feliz por ter mais um objetivo alcançado, mas agora é ir passo a passo para conquistar muitos títulos com essa camisa e depois pensar no Real", afirmou o jogador em entrevista após a vitória do time diante do Atlético Goianiense, que classificou a equipe às quartas de final da Copa do Brasil.

Apesar de o acerto entre as partes já ter sido divulgado pelos espanhóis nesta semana, as bases financeiras não foram reveladas. Mas as informações são de que o Real Madrid pagará 45 milhões de euros (cerca de R$ 164 milhões) estabelecidos pelo Flamengo como multa rescisória e terá os direitos do atleta a partir de julho de 2018, quando o jovem completará 18 anos.

Vinícius Júnior, porém, evita falar de detalhes do contrato. "Não resolvi nada, foram meus empresários, o Flamengo e meus pais. Não fico pensando no dinheiro, só penso em jogar e dar muitas alegrias à nação rubro-negra", comentou.

O Flamengo informou também, em nota oficial, que a negociação prevê que o atleta siga vestindo a camisa rubro-negra até julho de 2019. Entretanto, em seguida o comunicado enfatizou que o jovem poderá jogar antes deste prazo no Real Madrid "se os clubes entrarem em acordo".

Com estes valores, Vinícius Júnior se tornou o segundo jogador mais caro a ser vendido pelo futebol brasileiro ao exterior. A sua transação só fica atrás da transferência de Neymar, que deixou o Santos para jogar pelo Barcelona em 2013.

Mais conteúdo sobre:
Futebol Real Madrid Flamengo

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.