Ricardo Duarte/Inter
Ricardo Duarte/Inter

Zago lamenta vice-campeonato e diz que Inter merecia o título do Gaúcho

Colorado fica em segundo no torneio após derrota nos pênaltis para o Novo Hamburgo

Estadão Conteúdo

07 Maio 2017 | 21h34

Antônio Carlos Zago não digeriu bem a derrota nos pênaltis para o Novo Hamburgo, neste domingo, no Estádio Centenário, em Caxias do Sul, após o empate por 1 a 1 no tempo normal da finalíssima do Campeonato Gaúcho. Na avaliação do treinador, o Internacional foi melhor e merecia ter conquistado o título.

"Os jogadores estão de parabéns. O Novo Hamburgo, se não me engano, não criou uma única oportunidade de gol. No segundo tempo, criamos bastante e a bola não entrou. Ficamos sentidos por não ter esse título. Acho que até merecíamos a vitória depois", avaliou Zago.

Para o técnico, sua equipe vacilou apenas no primeiro tempo, quando saiu perdendo e pouco fez para empatar. Mas, depois, o time teria demonstrado que merecia o título. "O primeiro tempo foi o mesmo problema do jogo passado - uma equipe lenta na troca de passes", criticou. "Mas, no segundo, o time se recuperou bem."

Apesar da frustrante derrota, Zago assegurou que não fará grandes mudanças para a Série B do Campeonato Brasileiro. "Tivemos um crescimento importante e as coisas vão continuar assim. Perdemos nas penalidades, mas agora vamos pensar no objetivo maior, que é a Série B", completou.

A estreia do Internacional será já neste sábado, contra o Londrina, fora de casa, no Estádio do Café. Pela Copa do Brasil, por sua vez, a equipe faz seu primeiro jogo das oitavas de final no dia 17 de maio, contra o Palmeiras, em São Paulo.

Mais conteúdo sobre:
Inter futebol

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.