Zé Ricardo vê Flamengo 'dolorido', mas celebra rápida recuperação com triunfo

Rubro-negro venceu o Atlético-GO por 3 a 0 na casa do adversário

Estadão Conteúdo

21 Maio 2017 | 10h50

Somente três dias depois de mais um trauma na Libertadores, com a derrota para o San Lorenzo e a eliminação na fase de grupos, o Flamengo voltou a campo pelo Campeonato Brasileiro. Fora de casa, a equipe superou a queda do meio de semana e derrotou o Atlético-GO por 3 a 0, no sábado. O resultado não apaga a decepção, mas serve como ponto de partida para uma recuperação na competição nacional.

"Importante ressaltar que a gente continua muito dolorido, machucado com a eliminação. Queríamos muito estar classificados, dar esse presente para a torcida depois de tanta festa no Maracanã. Mas infelizmente coisas que fazem do futebol o esporte mais maravilhoso e emocionante do mundo quiseram que não tivéssemos fora de casa o resultado que tivemos dentro", considerou o técnico Zé Ricardo.

O treinador fez questão de ressaltar a atitude de seus comandados e a "coragem" para superar as críticas tão rapidamente após a eliminação. "A partir de agora temos que ter serenidade para aceitar o que não podemos mudar e coragem para mudar o que podemos."

Apesar do resultado, o triunfo não foi tão tranquilo. O Flamengo chegou a sofrer no primeiro tempo e só arrancou para o triunfo na etapa final. Para Zé Ricardo, o segundo gol, marcado por Leandro Damião, foi fundamental para tranquilizar a equipe e encaminhar o resultado.

"Foi difícil, o primeiro tempo foi equilibrado. O segundo gol deu uma desestruturada na equipe do Atlético-GO e conseguimos fazer o terceiro. O jogo caminhava para ser disputado e talvez o placar não tenha mostrado o que foi a partida. Mas tocamos bem a bola e asseguramos a vitória."

Mais conteúdo sobre:
Flamengo futebol Flamengo Zé Ricardo

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.