1. Usuário
Assine o Estadão
assine

Bolt vence com facilidade prova de 100m no Rio de Janeiro

Estadão Conteúdo

17 Agosto 2014 | 12h 25

Jamaicano teve uma largada ruim, mas logo se recuperou, assumiu a dianteira e abriu vantagem confortável para os adversários

O jamaicano Usain Bolt confirmou o seu favoritismo e venceu neste domingo, 17, a disputa dos 100 metros no Desafio Mano a Mano, realizado em uma pista montada na praia do Leme, no Rio. O campeão olímpico e mundial sobrou diante dos demais concorrentes e completou a distância em 10s06.

Bolt teve uma largada ruim na prova, mas logo se recuperou, assumiu a dianteira e abriu vantagem confortável para os demais adversários, vencendo com segurança a disputa. A disputa entre os demais concorrentes foi acirrada, com uma diferença de tempo de apenas 0s03 entre o segundo e o quarto colocado.

O britânico Mark Lewis-Francis foi quem se deu melhor e assegurou a segunda posição com a marca de 10s42. O brasileiro Jefferson Lucindo, que no sábado venceu a seletiva nacional para a prova, ficou em terceiro lugar, com 10s44, apenas 0s01 mais rápido do que o norte-americano Wallace Spearmon, o quarto colocado, com 10s45.

Vanderlei Almeida/AFP
Jamaicano teve uma largada ruim na prova, mas logo se recuperou

Essa foi a primeira vez que Bolt disputou uma prova de 100 metros em 2014. Atrapalhado por uma lesão, nesta temporada o velocista jamaicano só havia participado e vencido a disputa do 4x100 metros nos Jogos da Commonwealth, realizados em Glasgow.

ROSÂNGELA SANTOS

Após vencer a seletiva nacional no último sábado, garantindo a sua classificação para o Desafio Mano a Mano, a brasileira Rosângela Santos surpreendeu neste domingo e ganhou a disputa feminina dos 100 metros com o tempo de 11s33, numa prova em que a norte-americana Carmelita Jeter era a principal atração.

A jamaicana Schillonie Calvert, que faz parte da equipe de revezamento 4x100 metros da Jamaica na Olimpíada de Londres, onde conquistou a medalha de prata, ficou na segunda colocação, com 11s35. Carmelita Jeter, dona de títulos olímpicos e mundiais, decepcionou e terminou em terceiro lugar, com 11s38. Já a norte-americana Cleo Vanburen, ficou na quarta posição, com 11s60.

PROVA PARALÍMPICA

Sem ser ameaçado pelos seus concorrentes e compatriotas, o norte-americano Richard Browne ganhou a disputa paralímpica em 10s80. Jerome Singleton chegou em segundo lugar (11s40) e Blaker Leeper foi o terceiro (11s83).