Assine o Estadão
assine

Olimpíada

Brasil bate a Argentina e ganha a segunda no evento-teste de basquete feminino

Depois de um início ruim, em que terminou o primeiro quarto perdendo por 10 pontos de diferença, a seleção brasileira feminina de basquete se recuperou em quadra e venceu neste sábado a Argentina por 66 a 52 (33 a 32 no primeiro tempo), no segundo jogo do evento-teste da modalidade para os Jogos Olímpicos do Rio-2016, na Arena Carioca 1, no Parque Olímpico da Barra.

0

Estadão Conteúdo

16 Janeiro 2016 | 22h45

Na última sexta-feira, no primeiro dia do evento-teste, as jogadoras comandadas pelo técnico Antonio Carlos Barbosa não tiveram problemas para derrotarem a Venezuela por 112 a 41. Neste sábado, porém, foi preciso superar o mau início de jogo - perdeu o primeiro quarto por 23 a 13 e se recuperou já no segundo, indo para o intervalo com um ponto de vantagem.

No segundo tempo, o Brasil colocou a casa em ordem e com boa atuação da veterana ala/armadora Iziane, que terminou como a cestinha da partida com 20 pontos, foi abrindo vantagem até definir a vitória. O terceiro período acabou com a seleção brasileira ganhando por 53 a 39, mantendo assim a diferença de 14 pontos no final.

Iziane joga pelo Sampaio Corrêa, do Maranhão, e está de volta à seleção brasileira que participa do evento-teste mesmo desfalcada de diversas de suas principais jogadoras, que aderiram a um boicote criado pelos clubes da Liga Nacional contra a Confederação Brasileira de Basquete (CBB). Apenas as atletas do Sampaio Correa e Érika, que está sem clube desde que deixou seu time na Turquia, além da pivô Clarissa, do Corinthians/Americana, discordaram do boicote.

Esse é o primeiro evento-teste da Arena Carioca 1, que nos Jogos do Rio vai receber os duelos de basquete e na Paralimpíada será palco de basquete e rúgbi em cadeira de rodas. Antes de estrear nesta competição amistosa contra a Venezuela, a seleção brasileira já havia vencido a Argentina por 81 a 39 e havia surpreendido a Austrália, medalha de bronze nos Jogos de Londres e no Mundial da Turquia, por 61 a 53.

Antes de brasileiras e argentinas entrarem em quadra, o confronto entre Austrália e Venezuela abriu o sábado do evento-teste de basquete para os Jogos de 2016. E as australianas também não tiveram dificuldades para arrasar as adversárias por 104 a 24.

Neste domingo, o evento-teste da modalidade termina com mais dois confrontos. No primeiro deles, argentinas e venezuelanas se enfrentam às 18 horas na decisão do terceiro lugar. Na sequência, às 20h30, o Brasil encara a Austrália na disputa direta pelo título.

Mais conteúdo sobre:

Comentários