1. Usuário
Assine o Estadão
assine
  • Comentar
  • A+ A-
  • Imprimir
  • E-mail

Em Osasco, Água Santa ganha mais uma vez e de virada faz 2 a 1 no Audax

- Atualizado: 20 Fevereiro 2016 | 23h 09

O Água Santa, um dos caçulas do Campeonato Paulista, surpreendeu o Audax, vencendo de virada por 2 a 1, neste sábado, pela quinta rodada, no estádio José Liberatti, em Osasco (SP). Este resultado deixou o novato com 10 pontos, na vice-liderança do Grupo D, só atrás do Corinthians, líder com 12. O time osasquense continua com nove pontos, na vice-liderança do Grupo C. Só perde a ponta para a Ferroviária no saldo de gols: 5 a 2.

Esta foi a segunda vitória seguida do time de Diadema (SP), que antes tinha goleado o Capivariano por 4 a 1. E interrompeu a série de duas vitórias do clube local, que tinha batido o Red Bull Brasil, por 3 a 2, e o Rio Claro, por 2 a 0.

Uma forte chuva caiu no início da noite na cidade de Osasco, deixando o gramado bastante encharcado. Por isso, o primeiro tempo ficou prejudicado. Para dois times de toque de bola e velocidade, o campo atrapalhou. Tanto que os goleiros não trabalharam e viram a bola parando em poças d´água várias vezes.

No segundo tempo, sem chuva, a drenagem aliviou bastante o gramado e permitiu muita ação dos times, que fizeram um jogo aberto e movimentado. O Audax saiu na frente aos 12 minutos em um belo gol de Felipe Diadema. Dentro da área, de costas para o gol, ele levantou a bola e deu de bicicleta.

Mas o Água Santa não se intimidou, indo para cima do adversário. Empatou aos 18 minutos, em um pênalti bem cobrado por Everaldo, no alto. O lance faltoso aconteceu antes quando Eli Sabiá tocou de cabeça e a bola tocou no braço de Felipe Diadema.

O gol abalou o time da casa, que sofreu a virada aos 24 minutos. Francisco Alex fez o lançamento longo para Everaldo, do lado esquerdo do ataque. Ele caminhou com a bola, fez a finta de corpo no seu marcador e chutou. O goleiro Felipe Alves falhou.

Depois disso, o time osaquense não se acertou mais. Tentou quatro vezes em faltas cobradas por Rodrigo Andrade. Mas não era a noite dele. Nem do Audax.

Na próxima quarta-feira, pela sexta rodada, o Audax vai receber a Ponte Preta, às 21h45, em Osasco, enquanto que no mesmo dia, às 17 horas, o Água Santa vai até Lins (SP) para enfrentar o Linense.

FICHA TÉCNICA

AUDAX 1 x 2 ÁGUA SANTA

AUDAX - Felipe Alves; Francis, Yuri (Erick Luis), Bruno Silva e Felipe Diadema; Camacho, Tchê Tchê e Rodrigo Andrade; Mike (Márcio Diogo), Ytalo e Juninho (Wellington). Técnico: Fernando Diniz.

ÁGUA SANTA - Roberto; Jonathan, Cléber, Eli Sabiá e Guina; Sérgio Manoel, Russo, Éder (Bruno Ré) e Francisco Alex (Gustavo); Matheus Lima (Rafael Santiago) e Everaldo. Técnico: Márcio Ribeiro.

GOLS - Felipe Diadema, aos 12, Everaldo, aos 18 (pênalti) e aos 24 minutos do segundo tempo.

CARTÕES AMARELOS - Camacho (Audax); Cléber e Jonathan (Água Santa).

ÁRBITRO - Rafael Gomes Felix da Silva.

RENDA E PÚBLICO - Não disponíveis.

LOCAL - Estádio José Liberatti, em Osasco (SP).

Comentários

Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Estadão.
É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Estadão poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os criterios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.

Você pode digitar 600 caracteres.

Mais em EsportesX