Federer e Nadal salvam seus países no playoff da Davis

Os dois tenistas primeiros colocados no ranking mundial, Roger Federer e Rafael Nadal, evitaram o fiasco completo de seus países no playoff da Copa Davis, que vale vaga para o Grupo Mundial em 2007. Federer marcou o único ponto da Suíça contra a Sérvia ao vencer Janko Tipsarevic por 3 a 0 (6/3, 6/2 e 6/2), em 1 hora e 27 minutos. No outro jogo disputado em Genebra, Novak Djokovic venceu Stanislas Wawrinka por 3 a 2 (6/4, 3/6, 2/6, 7/6 (7/3) e 6/4), em 3 horas e 50 minutos. Neste sábado, Federer volta à quadra para o jogo de duplas, ao lado de Yves Allegro, diante de Ilija Bozoljac e Nenad Zimonjic. Em Santander, na segunda partida do dia, Rafael Nadal precisou de pouco mais de duas horas para derrotar Andreas Seppi por 3 a 0 (6/0, 6/4 e 6/3). Antes, Filippo Volandri havia vencido Tommy Robredo, também em três sets - parciais de 6/3, 7/5 e 6/3. Neste sábado, nas duplas, Robredo e Fernando Verdasco enfrentam Daniele Bracciali e Giorgio Galimberti. Outros dos confrontos do playoff terminaram o primeiro dia empatados: Alemanha x Tailândia, em Dusseldorf, e Romênia e Coréia do Sul, em Bucareste. Em Leiden, na Holanda, a equipe da casa perdeu os dois jogos diante da República Checa, e a Áustria marcou 2 a 0 contra o México em Portschach.

Agencia Estado,

22 Setembro 2006 | 14h49

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.