Federer sofre, mas vence jogo e vai à final na Basiléia

Roger Federer sofreu, deu um grande susto em sua torcida, mas jogando em sua cidade natal, a Basiléia, na Suíça, venceu o tailandês Paradorn Srichaphan por 6/4, 3/6 e 7/6 (5). Federer repete neste domingo a final da semana passada, do Masters Series de Madri, contra Fernando González, quando venceu e foi campeão. Mesmo que venha a perder a partida, González não terá muito a reclamar. Ele chegou na Basiléia à sua terceira final consecutiva, depois de ter superado Stanislas Wawrinka por 6/4 e 6/4. Só que, mais uma vez, terá pela frente o número 1 do mundo. Em oito jogos entre estes dois tenistas, Federer venceu todos. No jogo diante de Srichaphan, Federer deixou a torcida apreensiva. Depois de um bom primerio set, o tenista suíço parece ter sentido a pressão de estar jogando em casa, onde não atuava há dois anos. Passou a cometer um número incrível de erros, enquanto o tenista tailandês revelava-se ágil e combatente na disputa dos pontos. No tie break decisivo, Srichaphan chegou a estar em vantagem de 5 a 3. Só que justamente em momentos difíceis, Federer mostrou os motivos que o levam a ser o número 1 do mundo e um dos maiores da história do tênis.

Agencia Estado,

28 Outubro 2006 | 14h08

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.