1. Usuário
Assine o Estadão
assine


Gabriel Medina vence em Fiji e volta a liderar no surfe

Agência Estado

06 Junho 2014 | 04h 00

Brasileiro destrona Kelly Slater, que cai para terceiro

O brasileiro Gabriel Medina ganhou a quinta etapa do WCT, a divisão de elite do surfe mundial, encerrada nesta sexta-feira (ainda noite de quinta no Brasil), na ilha de Tavarua, em Fiji. E, com a vitória, ele retomou a liderança do ranking, mostrando que é mesmo forte candidato ao ficar com título da temporada.

Agora, Gabriel Medina já tem duas vitórias na temporada - ganhou também na abertura do calendário, em Gold Coast, na Austrália - e lidera o ranking com 30.950 pontos. A segunda posição é do taitiano Michel Bourez, outro que conquistou duas etapas em 2014 (em Margaret River, na Austrália, e no Rio), e soma 28.750 pontos.

O antigo líder era o norte-americano Kelly Slater, maior surfista da história, que soma 11 títulos mundiais. Ele tentava ser campeão da etapa de Fiji pelo quarto ano seguido, mas perdeu nas quartas de final para Michel Bourez e acabou caindo para o terceiro lugar no ranking da temporada, agora com 28.600 pontos.

S. Robertson/Divulgação
Brasileiro tem 2200 pontos de vantagem sobre o vice-líder

Com apenas 20 anos, Gabriel Medina é a maior sensação do surfe na atualidade. No último dia da disputa em Fiji, ele venceu a semifinal contra o norte-americano Kolohe Andino por 17.50 a 9.57. Depois, foi para a decisão diante do também norte-americano Nat Young, que tinha acabado de eliminar Michel Bourez.

Na final em Fiji, o jovem surfista brasileiro dominou novamente a bateria e derrotou Nat Young por 18.40 a 14.77, somando mais um título de WCT em seu currículo. Agora, ele vai defender a liderança do ranking na sexta das 11 etapas da temporada, marcada para começar no dia 10 de julho, em Kouga, na África do Sul.