Johansson vai à final e defende título contra Ancic na Rússia

Atual campeão do Torneio de São Petersburgo, o sueco Thomas Johansson, conseguiu a sua classificação para a final da competição russa neste sábado ao ganhar do anfitrião Igor Kunitsyn por 2 sets a 0, com parciais de 6/3 e 7/6 (7/3). Na briga pelo bicampeonato, Johansson, 64º colocado no ranking de entradas da Associação dos Tenistas Profissionais (ATP), vai enfrentar na decisão o croata Mario Ancic, cabeça-de-chave número três, que eliminou o letão Ernest Gulbis, de apenas 18 anos, por 2 a 0, com 6/2 e 6/3. Essa será apenas a segunda partida entre os dois finalistas do torneio pelo circuito da ATP. No único confronto entre os dois atletas, o croata levou a melhor ao superar o adversário no Torneio de Milão, em 2004. A conquista do título na competição russa é muito importante para Mario Ancic, uma vez que o croata ainda tem chances de obter uma vaga para a disputa da Masters Cup de Xangai, em novembro. A competição reúne os oito melhores tenistas do ano - ele ocupa a 12ª posição. O campeão do Torneio de São Petersburgo somará 250 pontos na Corrida dos Campeões e embolsará US$ 142 mil em premiação.

Agencia Estado,

28 Outubro 2006 | 10h15

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.