Daniel Smorigo/WSL
Daniel Smorigo/WSL

Mineirinho bate Medina e avança às quartas de final em etapa do Rio

Adriano de Souza vence duelo de campeões em Saquarema e manda compatriota para a repescagem

Estadão Conteúdo

14 Maio 2017 | 13h34

Adriano de Souza, o Mineirinho, superou Gabriel Medina neste domingo e avançou direto às quartas de final da etapa do Rio de Janeiro do Circuito Mundial de Surfe. Nas ondas da Praia de Itaúna, em Saquarema, o campeão mundial de 2015 venceu o campeão de 2014 e ainda bateu Wiggolly Dantas numa bateria totalmente nacional. Medina e Wiggolly terão que disputar a repescagem.

Medina acabou ficando em último na bateria, com 16,53, logo atrás de Wiggolly, que obteve 16,54. Mineirinho venceu a bateria com 17,27 e agora aguarda a definição do seu rival na fase de quartas de final.

Na repescagem, Medina vai ter pela frente outro rival brasileiro. Será Yago Dora, batido pelo australiano Mick Fanning em sua bateria. Dora anotou 15,13 e ficou à frente do também australiano Joel Parkinson (12,54). Mas não esteve em condições de competir com Fanning, com 17,50. Parkinson será o rival de Wiggolly na repescagem.

Nas outras baterias da quarta fase, os australianos Adrian Buchan e Owen Wright levaram a melhor e avançaram às quartas de final. Buchan, com 15,67, deixou para trás o compatriota Matt Wilkinson (12,66) e o sul-africano Jordy Smith (15,24).

Owen Wright, por sua vez, anotou 17,23 e venceu o compatriota Julian Wilson (15,94) e o norte-americano Kanoa Igarashi (16,83), numa bateria de alto nível e grandes exibições.

Nos outros confrontos da repescagem, Jordy Smith enfrentará Julian Wilson e Matt Wilkinson vai cruzar com Kanoa Igarashi.

Mais conteúdo sobre:
Surfe Surfe Adriano de Souza Gabriel Medina

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.