Mundial de Ginástica: Diego vai às finais no solo e no salto

Diego Hypólito deu, neste domingo, o primeiro passo rumo ao bicampeonato mundial no solo. Nas eliminatórias por equipes do Mundial de Aarhus, na Dinamarca, o ginasta brasileiro garantiu vaga entre os oito melhores que disputarão a final deste aparelho, na próxima sexta-feira. Campeão do solo no Mundial de Melbourne, em novembro do ano passado, Hypólito saiu com nota 16,70 e teve a segunda maior avaliação, com 16,025 pontos na fase eliminatória. Ficou atrás apenas do romeno Marian Dragulescu, que teve nota de partida de 16,90 e somou 16,250 pontos. ?Fiquei satisfeito com a série que fiz. Fiquei um pouco inseguro na primeira passada, que é uma seqüência nova e bastante ousada, mas acredito que eu possa melhorá-la até o dia da final. Na terceira passada sofri uma penalização de 0,1, pois pisei fora da linha do solo?, observou. E não foi apenas no solo que Hypólito garantiu vaga na final por aparelhos. Com a nota 16,150, o ginasta obteve vaga na final do salto, no próximo sábado. No primeiro salto, ele somou 16,300 pontos; no segundo, ficou com 16,000. O brasileiro comemorou sua performance no primeiro dia: ?A minha média nos saltos foi muito boa. Realizei os mesmo saltos que fiz na etapa da Copa do Mundo da China, mas só que aqui no foi bem melhor.? Em 2003, no Pré-Mundial de Anaheim (EUA), Hypólito terminou em sétimo na final de salto. Apesar do bom desempenho do irmão de Daniele Hypólito, o Brasil ficou em 17.º lugar por equipes e conseguiu a classificação para os Jogos Olímpicos de Pequim, na China, em 2008. Atualizado às 19h20

Agencia Estado,

15 Outubro 2006 | 17h00

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.