Nadal diz que perdeu o rendimento por causa do cansaço

Número dois do mundo, o tenista espanhol Rafael Nadal, que desde a segunda quinzena de julho não consegue alcançar a fase semifinal dos torneios promovidos pela Associação de Tenista Profissionais (ATP), afirmou nesta terça-feira que o "cansaço" é o principal responsável pela queda na qualidade de seu tênis. "A primeira metade da temporada foi muito estressante, por isso, estou com os músculos de meu corpo esgotados", explicou o espanhol, que neste ano disputou 67 partidas e conseguiu 57 vitórias. "Também estou cansado mentalmente, o que contribui para a queda." Neste ano, Nadal conquistou cinco troféus - dentre estes o título de Roland Garros. A última final disputada pelo espanhol foi em Wimbledon, quando ele foi derrotado pelo suíço Roger Federer, líder do ranking da ATP. "Federer está no nível máximo e sem dúvida é o melhor. Seu ritmo é incrível", afirmou Nadal. Nesta temporada, Federer disputou 88 partidas (83 vitórias) e conquistou 10 títulos - na carreira, ele tem 43 troféus. Com mais de US$ 3 milhões em prêmios faturados só nesta temporada, Nadal afirmou que procurará descansar para melhorar o seu desempenho nas próximas competições.

Agencia Estado,

24 Outubro 2006 | 16h00

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.