1. Usuário
Assine o Estadão
assine
  • Comentar
  • A+ A-
  • Imprimir
  • E-mail

Quênia nega relatos de que não participará dos Jogos Olímpicos do Rio

- Atualizado: 09 Fevereiro 2016 | 15h 18

Problema seria o zika vírus no Brasil

O Comitê Olímpico do Quênia afirmou nesta segunda-feira que o país se prepara conforme o planejado para os Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro, ao mesmo tempo em que monitora o surto do vírus zika no Brasil. O chefe do grupo do Quênia, Stephen Arap Soi, diz que é "muito cedo" para qualquer conversa sobre uma eventual decisão de não ir para a Olimpíada, que será disputada em agosto. Ele negou relatos que circularam na imprensa de que o Quênia estava ameaçando não participar do grande evento esportivo em razão do vírus.

"Nós garantimos a todos que estamos nos preparando para o Rio-2016 como planejado", afirmou Arap Soi em entrevista à agência Associated Press.

De acordo com o queniano, comentários feitos anteriormente pelo presidente do Comitê Olímpico do Quênia, Kip Keino, foram tirados do contexto. Meios de comunicação locais e internacionais informaram que Keino teria dito que o Quênia não iria enviar ao Rio seus atletas, se eles estivessem sob risco do zika.

Arap Soi disse que o Quênia está em contato regular com o Comitê Olímpico Internacional (COI) e não foi dado nenhum conselho para não viajar para o Brasil.

Comentários

Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Estadão.
É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Estadão poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os criterios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.

Você pode digitar 600 caracteres.

Mais em EsportesX