1. Usuário
Assine o Estadão
assine


Robert Scheidt volta a competir na Laser na Itália

AE - Agência Estado

20 Setembro 2012 | 18h 38

Falta de conhecimento dos adversários deverá ser maior desafio no retorno do velejador

SCARLINO - Depois de uma longa e vitoriosa trajetória na classe Star, ao lado de Bruno Prada, Robert Scheidt vai voltar a competir pela Laser neste sábado. Ele participará do Campeonato Italiano de Classes Olímpicas, que acontecerá na cidade de Scarlino, em sua primeira competição oficial desde a conquista da medalha de bronze nos Jogos Olímpicos de Londres.

Apesar de estar treinando há mais de um mês, Scheidt admitiu que terá dificuldades para se readaptar à Laser, mesmo sendo a classe em que ganhou destaque na vela. Ele apontou que o principal problema será a falta de informação sobre os outros competidores.

"Depois de tanto tempo longe da Laser, espero usar este campeonato como termômetro para ver como será voltar para a classe. Por estar há quase 10 anos na Star já não sei mais quem está competindo na Laser hoje em dia, por isso vou para a água sem saber quem serão os meus maiores adversários. Com certeza estarei mais relaxado nesta competição do que estava nas últimas da Star, quando éramos favoritos", declarou.

A decisão de retornar à Laser se deu pela falta da Star no programa olímpico dos Jogos do Rio, em 2016. Ainda há uma chance remota de que a classe Star seja incluída na próxima Olimpíada e isso será decidido em uma reunião da Federação Internacional de Vela, em novembro. Caso aconteça, Robert Scheidt e Bruno Prada reeditarão a dupla.

Por outro lado, se isto não ocorrer, Scheidt seguirá na classe Laser, na qual conquistou seus primeiros título, incluindo duas medalhas de ouro (Atlanta-1996 e Atenas-2004) e uma de prata (Sydney-2000) em Olimpíadas.