Roddick elimina Hewitt e vai às semifinais do US Open

O americano Andy Roddick, nono cabeça-de-chave, passou às semifinais do US Open ao vencer por 6/3, 7/5 e 6/4 o australiano Lleyton Hewitt, num duelo de ex-campeões do último torneio do Grand Slam. Roddick, que disputa o seu sétimo Aberto, terá como adversário nas semifinais o russo Mikhael Youzhny, número 54 do mundo. Ele foi a grande surpresa da jornada, ao vencer por 6/3, 5/7, 7/6 (7/5) e 6/1 o espanhol Rafael Nadal, segundo cabeça-de-chave. "Estou muito contente por ter voltado às semifinais do Aberto e também porque sou um novo Roddick, bem diferente do que jogou nos últimos seis meses. Agora terei de jogar meu melhor tênis contra um adversário que eliminou grandes profissionais", disse o tenista. O jogador americano, que este ano só ganhou um título individual, o de Cincinnati, tem duas vitórias e duas derrotas nos confrontos com Youzhny. Hewitt chegou ao torneio como 15º cabeça-de-chave. Ele foi campeão em 2001.

Agencia Estado,

07 Setembro 2006 | 02h09

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.